Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Victor Chaves ironiza agressão à mulher e brigas com o irmão



12/02/2019 | 12:51


O cantor Victor Chaves, que fez dupla sertaneja com o irmão Leo Chaves até 2018, publicou um vídeo no YouTube no qual ironiza a acusação de violência doméstica contra ele e as brigas relatadas pelo irmão recentemente. Ele produziu uma entrevista consigo, em que aparece com e sem camisa para alternar perguntas e respostas.

"Senhor Victor, consta que o senhor teria desferido 15 chutes na barriga de uma grávida. A pergunta é: o senhor joga futebol?", questiona para si.

Na sequência, ele aparece dando gargalhadas e responde: "Jogo de vez em quando, mas nunca consegui acertar um chute".

A segunda pergunta segue no mesmo tema. "Senhor Victor, o senhor foi indiciado por vias de fato, que corresponde à agressão sem deixar marcas. Que m**** é essa?", pergunta e responde: "É só uma m**** mesmo".

Para concluir a "entrevista", ele faz referência a uma declaração do irmão Leo, segundo o qual os dois brigavam "o tempo inteiro".

"Senhor Victor, para terminarmos, o senhor teria vivido 27 anos de brigas com seu irmão Leo Chaves. O que o senhor tem a dizer sobre isso?" A resposta, precedida por mais gargalhadas, foi: "Não, 27 anos foi o tempo de dupla. De briga, são 42".

Em fevereiro de 2017, Poliana Bagatini, mulher do cantor, registrou um boletim de ocorrência numa delegacia de Minas Gerais em que acusava o marido de tê-la derrubado no chão e a chutado diversas vezes.

Na época, ele era jurado do "The Voice Kids" ao lado do irmão e pediu afastamento do programa para se dedicar ao caso. Dias depois, em entrevista ao Fantástico, ele negou a acusação. "Eu jamais agrediria alguém na minha vida, muito menos minha esposa", afirmou.

Um laudo do Instituto Médico Legal de Belo Horizonte atestou que o exame de lesão corporal contra Poliana deu negativo. A delegada responsável pelo caso disse que nenhum vizinho ou funcionário do prédio onde o casal mora presenciou a agressão, apenas ouviu gritos. O motivo da confusão teria sido porque Victor levou a filha do casal para a casa da mãe sem que Poliana soubesse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Victor Chaves ironiza agressão à mulher e brigas com o irmão


12/02/2019 | 12:51


O cantor Victor Chaves, que fez dupla sertaneja com o irmão Leo Chaves até 2018, publicou um vídeo no YouTube no qual ironiza a acusação de violência doméstica contra ele e as brigas relatadas pelo irmão recentemente. Ele produziu uma entrevista consigo, em que aparece com e sem camisa para alternar perguntas e respostas.

"Senhor Victor, consta que o senhor teria desferido 15 chutes na barriga de uma grávida. A pergunta é: o senhor joga futebol?", questiona para si.

Na sequência, ele aparece dando gargalhadas e responde: "Jogo de vez em quando, mas nunca consegui acertar um chute".

A segunda pergunta segue no mesmo tema. "Senhor Victor, o senhor foi indiciado por vias de fato, que corresponde à agressão sem deixar marcas. Que m**** é essa?", pergunta e responde: "É só uma m**** mesmo".

Para concluir a "entrevista", ele faz referência a uma declaração do irmão Leo, segundo o qual os dois brigavam "o tempo inteiro".

"Senhor Victor, para terminarmos, o senhor teria vivido 27 anos de brigas com seu irmão Leo Chaves. O que o senhor tem a dizer sobre isso?" A resposta, precedida por mais gargalhadas, foi: "Não, 27 anos foi o tempo de dupla. De briga, são 42".

Em fevereiro de 2017, Poliana Bagatini, mulher do cantor, registrou um boletim de ocorrência numa delegacia de Minas Gerais em que acusava o marido de tê-la derrubado no chão e a chutado diversas vezes.

Na época, ele era jurado do "The Voice Kids" ao lado do irmão e pediu afastamento do programa para se dedicar ao caso. Dias depois, em entrevista ao Fantástico, ele negou a acusação. "Eu jamais agrediria alguém na minha vida, muito menos minha esposa", afirmou.

Um laudo do Instituto Médico Legal de Belo Horizonte atestou que o exame de lesão corporal contra Poliana deu negativo. A delegada responsável pelo caso disse que nenhum vizinho ou funcionário do prédio onde o casal mora presenciou a agressão, apenas ouviu gritos. O motivo da confusão teria sido porque Victor levou a filha do casal para a casa da mãe sem que Poliana soubesse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;