Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

PM prende mulher condenada pelo desvio de R$ 11 milhões em medicamentos

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vanessa Soares
Do dgabc.com.br

08/02/2019 | 11:59


A PM (Polícia Militar) prendeu na tarde desta quinta-feira (7), em São Caetano, a vendedora autônoma Débora Aretusa Fulep da Luz, 37 anos, que estava foragida desde 2017 após ser condenada a 14 anos de prisão por integrar quadrilha acusada de desviar R$ 11 milhões em medicamentos de alto custo usados no tratamento de câncer.

Ela foi abordada por policiais quando saía da casa da mãe e foi encaminhada para ao distrito policial sede do município, onde o boletim de ocorrência foi registrado.

Débora era procurada da Justiça e foi condenada por associação criminosa, falsificação, corrupção e adulteração de produtos destinados a fins medicinais. Os medicamentos eram adquiridos pelo Governo do Estado de São Paulo e distribuídos gratuitamente para pacientes portadores de câncer da rede pública e privada e só poderiam ser utilizados em ambiente hospitalar.

Em 2012, ela foi presa juntamente com outros 11 integrantes da quadrilha, descobertos na Operação Medula 3, realizada pela Polícia Civil. Segundo investigação da época, ela era responsável pelo controle financeiro de toda quadrilha e armazenava medicamentos. O chefe do bando, Stefano Fernandes, preso em 2009 pelo mesmo crime, comandada o grupo por telefone de dentro da penitenciária, de acordo com a polícia. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PM prende mulher condenada pelo desvio de R$ 11 milhões em medicamentos

Vanessa Soares
Do dgabc.com.br

08/02/2019 | 11:59


A PM (Polícia Militar) prendeu na tarde desta quinta-feira (7), em São Caetano, a vendedora autônoma Débora Aretusa Fulep da Luz, 37 anos, que estava foragida desde 2017 após ser condenada a 14 anos de prisão por integrar quadrilha acusada de desviar R$ 11 milhões em medicamentos de alto custo usados no tratamento de câncer.

Ela foi abordada por policiais quando saía da casa da mãe e foi encaminhada para ao distrito policial sede do município, onde o boletim de ocorrência foi registrado.

Débora era procurada da Justiça e foi condenada por associação criminosa, falsificação, corrupção e adulteração de produtos destinados a fins medicinais. Os medicamentos eram adquiridos pelo Governo do Estado de São Paulo e distribuídos gratuitamente para pacientes portadores de câncer da rede pública e privada e só poderiam ser utilizados em ambiente hospitalar.

Em 2012, ela foi presa juntamente com outros 11 integrantes da quadrilha, descobertos na Operação Medula 3, realizada pela Polícia Civil. Segundo investigação da época, ela era responsável pelo controle financeiro de toda quadrilha e armazenava medicamentos. O chefe do bando, Stefano Fernandes, preso em 2009 pelo mesmo crime, comandada o grupo por telefone de dentro da penitenciária, de acordo com a polícia. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;