Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Corinthians avança sem o menor brilho na Copa do Brasil

‘Gustagol’ salva o Timão de uma eliminação precoce para o Ferroviário-CE, em Londrina


Dérek Bittencourt

08/02/2019 | 07:00


O Corinthians se classificou para a segunda fase da Copa do Brasil de maneira melancólica ao se beneficiar do regulamento para avançar no empate por 2 a 2 com o Ferroviário-CE, no Estádio do Café, em Londrina (a equipe cearense vendeu o mando de jogo). Para o Timão, por ser visitante, bastava a igualdade, a qual foi buscar duas vezes para carimbar a classificação. E dois foram os personagens principais: Gustagol, que fez os dois tentos alvinegros, e Gleibson, goleiro da equipe nordestina, que falhou no primeiro dos paulistas.

Aliás, Gustagol vem sendo o nome corintiano na temporada. Com os dois de ontem, o atacante chegou a cinco na temporada (além deles, um diante do Santos, no amistoso da pré-temporada e dois pelo Paulista). Além dele, somente Henrique e Danilo Avelar balançaram as redes no ano para o Timão.

Talvez o Corinthians não imaginasse quanto trabalho teria diante do determinado e bem organizado – dentro de suas limitações – Ferroviário. O time cearense, atual campeão do Brasileiro da Série D, não se conteve em esperar o Alvinegro. Muito pelo contrário. E foi assim que, aos 14, após levantamento na área, Enercino cabeceou na trave; no rebote, Henrique tentou tirar, mas Edson Cariús se jogou de carrinho e empurrou às redes: 1 a 0.

Aos 19, entretanto, o Timão igualou. Jadson cobrou escanteio, Gleibson tentou segurar, se atrapalhou e soltou nos pés de Gustagol, que chegou com tudo para empatar o confronto.

O Ferroviário ainda teve nova oportunidade na etapa inicial com Cariús, mas o atacante encontrou novamente a rede aos nove minutos do segundo tempo, quando aproveitou cruzamento de Leanderson, se antecipou à zaga e colocou no canto de Cássio. Mas no minuto seguinte apareceu o salvador da pátria Gustagol para, num belo chute cruzado, deixar novamente tudo igual.

“O importante é que a gente passou. Mas precisamos melhorar”, admitiu o volante Ralf após o jogo. “Feliz pelos dois gols, pela classificação, mas este é o futebol, não tem camisa grande, não tem jogar com o nome. Parabéns ao Ferroviário, que jogou de igual para igual”, destacou o artilheiro Gustagol. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;