Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Estadual avalia projeto de José Augusto em Diadema

PSDB cogita retirar cacique da corrida para estar com o PV


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

14/04/2012 | 07:24


O PSDB estadual avalia a viabilidade eleitoral do ex-deputado estadual José Augusto da Silva Ramos, maior expoente do tucanato em Diadema e pré-candidato à Prefeitura local. A hipótese de José Augusto não figurar nas urnas diademenses é grande, pois o ex-parlamentar enfrenta problemas na Justiça, aumentando as chances de acordo com o PV já no primeiro turno.

A direção estadual tem analisado cada candidatura na Região Metropolitana, medindo o poderio dos projetos. Caso as empreitadas apresentem dificuldades, os tucanos articulariam alianças com outras candidaturas e destinariam recursos de campanha ao ex-governador José Serra, postulante do PSDB à prefeitura de São Paulo. Nesse xadrez político, José Augusto poderia ser agraciado com algum cargo em eventual governo de Serra na Capital - o tucano de Diadema tem votação cativa em São Mateus, na Zona Leste de São Paulo, e se fortaleceria para retornar à Assembleia em 2014.

José Augusto enfrenta dois processos na Justiça que podem enquadrá-lo na Lei da Ficha Limpa. O primeiro é referente a concurso público realizado quando o tucano era prefeito, entre 1989 e 1992, em que ele foi aprovado. Outro é sobre a contratação do escritório de advocacia de Luiz Eduardo Greenhalgh (PT), que atuou por quase uma década em Diadema para defender somente dois casos. O ex-deputado perdeu em primeira e segunda instâncias. Os caso são analisados pelo STJ (Supremo Tribunal de Justiça).

"Nosso candidato a prefeito é o Zé Augusto. Mas se houver impedimentos legais faremos alianças já no primeiro turno. A possibilidade mais forte é a de caminharmos com o Lauro", comentou o presidente do PSDB de Diadema, vereador José Francisco Dourado, apontando a pré-candidatura do vereador Lauro Michels (PV).

Dourado citou exemplo de São Bernardo, onde o PSDB optou por indicar a vice de Alex Manente (PPS) na corrida eleitoral. "Não vamos trabalhar com a paixão. Trabalharemos com a razão. E a razão é fazer uma administração diferente da do PT."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Estadual avalia projeto de José Augusto em Diadema

PSDB cogita retirar cacique da corrida para estar com o PV

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

14/04/2012 | 07:24


O PSDB estadual avalia a viabilidade eleitoral do ex-deputado estadual José Augusto da Silva Ramos, maior expoente do tucanato em Diadema e pré-candidato à Prefeitura local. A hipótese de José Augusto não figurar nas urnas diademenses é grande, pois o ex-parlamentar enfrenta problemas na Justiça, aumentando as chances de acordo com o PV já no primeiro turno.

A direção estadual tem analisado cada candidatura na Região Metropolitana, medindo o poderio dos projetos. Caso as empreitadas apresentem dificuldades, os tucanos articulariam alianças com outras candidaturas e destinariam recursos de campanha ao ex-governador José Serra, postulante do PSDB à prefeitura de São Paulo. Nesse xadrez político, José Augusto poderia ser agraciado com algum cargo em eventual governo de Serra na Capital - o tucano de Diadema tem votação cativa em São Mateus, na Zona Leste de São Paulo, e se fortaleceria para retornar à Assembleia em 2014.

José Augusto enfrenta dois processos na Justiça que podem enquadrá-lo na Lei da Ficha Limpa. O primeiro é referente a concurso público realizado quando o tucano era prefeito, entre 1989 e 1992, em que ele foi aprovado. Outro é sobre a contratação do escritório de advocacia de Luiz Eduardo Greenhalgh (PT), que atuou por quase uma década em Diadema para defender somente dois casos. O ex-deputado perdeu em primeira e segunda instâncias. Os caso são analisados pelo STJ (Supremo Tribunal de Justiça).

"Nosso candidato a prefeito é o Zé Augusto. Mas se houver impedimentos legais faremos alianças já no primeiro turno. A possibilidade mais forte é a de caminharmos com o Lauro", comentou o presidente do PSDB de Diadema, vereador José Francisco Dourado, apontando a pré-candidatura do vereador Lauro Michels (PV).

Dourado citou exemplo de São Bernardo, onde o PSDB optou por indicar a vice de Alex Manente (PPS) na corrida eleitoral. "Não vamos trabalhar com a paixão. Trabalharemos com a razão. E a razão é fazer uma administração diferente da do PT."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;