Fechar
Publicidade

Sábado, 20 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Taninos


Leo Kahn

25/01/2019 | 07:00


Compostos fenólicos do tipo funcional, presentes em vários vegetais, possuem ação antioxidante e anti-inflamatória ao reduzir o excesso de radicais livres do organismo.

Apesar de suas propriedades benéficas, os taninos também podem ser considerados substâncias antinutricionais, visto que em concentração elevada podem provocar alteração na absorção de alguns nutrientes.

Outros benefícios:
- Anticarcinogênico
- Cicatrizante
- Inibidor da transcriptase reversa em HIV
- Protetor hepático
- Antiage
- Protetor da pele à exposição solar
- Controle de doenças degenerativas
- Auxilia como anti-inflamatório intestinal
- Atua no tratamento de diarreia
- Efeito coagulante e anti-hemorrágico
- Colabora no tratamento de hemorroidas

Saiba mais:
Trabalhos sugerem que os taninos podem desencadear enxaquecas.
 Evite alimentos com taninos durante as crises.
Os taninos são classificados em dois grupos:
- Hidrolisáveis – consistem de ésteres de ácidos gálicos e ácidos elágicos glicosilados, formados a partir do chiquimato, onde os grupos hidroxila do açúcar são esterificados com os ácidos fenólicos.
- Condensados – suas moléculas são mais resistentes à fragmentação e estão relacionadas com os pigmentos flavonoides.
- Eles são adstringentes e hemostáticos.
- São empregados como antídotos em casos de envenenamento por plantas alcaloídicas.
- Ao precipitar proteínas propiciam um efeito antimicrobiano e antifúngico.
- Uma série de bactérias é sensível aos taninos, dentre elas -Staphylococcus aureus, Streptococcus pneumonia, Bacillus anthracis e Shigella dysenteriae.
- Apesar de várias pesquisas realizadas sob diferentes abordagens com teores de taninos, a associação dessas informações com o aproveitamento de plantas medicinais é escassa.
- Merecem ser exploradas com mais profundidade: influência da sazonalidade e do local de coleta, efeito da poluição atmosférica, efeito da restrição de nutrientes no solo.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Taninos

Leo Kahn

25/01/2019 | 07:00


Compostos fenólicos do tipo funcional, presentes em vários vegetais, possuem ação antioxidante e anti-inflamatória ao reduzir o excesso de radicais livres do organismo.

Apesar de suas propriedades benéficas, os taninos também podem ser considerados substâncias antinutricionais, visto que em concentração elevada podem provocar alteração na absorção de alguns nutrientes.

Outros benefícios:
- Anticarcinogênico
- Cicatrizante
- Inibidor da transcriptase reversa em HIV
- Protetor hepático
- Antiage
- Protetor da pele à exposição solar
- Controle de doenças degenerativas
- Auxilia como anti-inflamatório intestinal
- Atua no tratamento de diarreia
- Efeito coagulante e anti-hemorrágico
- Colabora no tratamento de hemorroidas

Saiba mais:
Trabalhos sugerem que os taninos podem desencadear enxaquecas.
 Evite alimentos com taninos durante as crises.
Os taninos são classificados em dois grupos:
- Hidrolisáveis – consistem de ésteres de ácidos gálicos e ácidos elágicos glicosilados, formados a partir do chiquimato, onde os grupos hidroxila do açúcar são esterificados com os ácidos fenólicos.
- Condensados – suas moléculas são mais resistentes à fragmentação e estão relacionadas com os pigmentos flavonoides.
- Eles são adstringentes e hemostáticos.
- São empregados como antídotos em casos de envenenamento por plantas alcaloídicas.
- Ao precipitar proteínas propiciam um efeito antimicrobiano e antifúngico.
- Uma série de bactérias é sensível aos taninos, dentre elas -Staphylococcus aureus, Streptococcus pneumonia, Bacillus anthracis e Shigella dysenteriae.
- Apesar de várias pesquisas realizadas sob diferentes abordagens com teores de taninos, a associação dessas informações com o aproveitamento de plantas medicinais é escassa.
- Merecem ser exploradas com mais profundidade: influência da sazonalidade e do local de coleta, efeito da poluição atmosférica, efeito da restrição de nutrientes no solo.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;