Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Zé Roberto se despede do futebol em amistoso com craques e ídolos palmeirenses

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


13/01/2019 | 12:24


Zé Roberto teve uma despedida do tamanho de sua carreira no futebol. Neste domingo, o ex-meia reuniu craques e amigos para um amistoso festivo diante de um bom público no Allianz Parque, deu adeus à modalidade em grande estilo e foi a estrela do espetáculo, ao marcar duas vezes.

Grandes nomes do futebol brasileiro foram divididos em dois times: Palmeiras de todos os tempos e amigos de Zé Roberto. O resultado da festa era o que menos importava, mas os cerca de 20 mil presentes foram presenteados com 12 gols e o empate por 6 a 6.

O Palmeiras entrou em campo com: Sérgio; Cláudio, Antônio Carlos, Júnior Baiano e Júnior; César Sampaio, Marcos Assunção, Rivaldo e Zé Roberto; Edmundo e Alex. Ao longo da partida, entraram ainda nomes como Velloso, Roque Júnior, Galeano, Paulo Nunes, Oséas e Euller.

Já o time dos amigos de Zé Roberto foi escalado com: Clemer; Alberto Valentim, Pedro Geromel, Aldair e Kleber; Edmilson, Tico, Seedorf e DAlessandro; Giovanni e Alberto. Durante a festa, foram a campo Elano, Túlio, entre outros.

Se o físico não é mais o mesmo, estes ex-jogadores mostraram a categoria de sempre com a bola em jogo, em um festival de belos gols. Liberado pelo Internacional para a partida, D''Alessandro marcou duas vezes para os amigos de Zé Roberto, que contaram ainda com gols de Túlio, Giovanni, Jackson e Seedorf. Pelo Palmeiras, além do dono da festa, marcaram Alex, Edmundo, Paulo Nunes e Alex Mineiro.

Após o apito final, Zé Roberto foi carregado nas costas pelos integrantes das duas equipes. Foi o ponto final de uma carreira longeva e vitoriosa, de mais de 20 anos como profissional por clubes como Portuguesa, Real Madrid, Flamengo, Bayer Leverkusen, Bayern de Munique, Santos, Grêmio e Palmeiras. O ex-meia também vestiu a camisa da seleção brasileira por mais de 10 anos, disputou as Copas do Mundo de 1998 e 2006 e foi campeão de duas Copas das Confederações (1997 e 2005) e duas Copas Américas (1997 e 1999).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Zé Roberto se despede do futebol em amistoso com craques e ídolos palmeirenses


13/01/2019 | 12:24


Zé Roberto teve uma despedida do tamanho de sua carreira no futebol. Neste domingo, o ex-meia reuniu craques e amigos para um amistoso festivo diante de um bom público no Allianz Parque, deu adeus à modalidade em grande estilo e foi a estrela do espetáculo, ao marcar duas vezes.

Grandes nomes do futebol brasileiro foram divididos em dois times: Palmeiras de todos os tempos e amigos de Zé Roberto. O resultado da festa era o que menos importava, mas os cerca de 20 mil presentes foram presenteados com 12 gols e o empate por 6 a 6.

O Palmeiras entrou em campo com: Sérgio; Cláudio, Antônio Carlos, Júnior Baiano e Júnior; César Sampaio, Marcos Assunção, Rivaldo e Zé Roberto; Edmundo e Alex. Ao longo da partida, entraram ainda nomes como Velloso, Roque Júnior, Galeano, Paulo Nunes, Oséas e Euller.

Já o time dos amigos de Zé Roberto foi escalado com: Clemer; Alberto Valentim, Pedro Geromel, Aldair e Kleber; Edmilson, Tico, Seedorf e DAlessandro; Giovanni e Alberto. Durante a festa, foram a campo Elano, Túlio, entre outros.

Se o físico não é mais o mesmo, estes ex-jogadores mostraram a categoria de sempre com a bola em jogo, em um festival de belos gols. Liberado pelo Internacional para a partida, D''Alessandro marcou duas vezes para os amigos de Zé Roberto, que contaram ainda com gols de Túlio, Giovanni, Jackson e Seedorf. Pelo Palmeiras, além do dono da festa, marcaram Alex, Edmundo, Paulo Nunes e Alex Mineiro.

Após o apito final, Zé Roberto foi carregado nas costas pelos integrantes das duas equipes. Foi o ponto final de uma carreira longeva e vitoriosa, de mais de 20 anos como profissional por clubes como Portuguesa, Real Madrid, Flamengo, Bayer Leverkusen, Bayern de Munique, Santos, Grêmio e Palmeiras. O ex-meia também vestiu a camisa da seleção brasileira por mais de 10 anos, disputou as Copas do Mundo de 1998 e 2006 e foi campeão de duas Copas das Confederações (1997 e 2005) e duas Copas Américas (1997 e 1999).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;