Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 18 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Rio Grande reajusta tarifa do transporte coletivo para R$ 4,20 a partir de hoje

Correção no valor ocorre devido à necessidade de reequilíbrio econômico financeiro contratual


Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

12/01/2019 | 07:00


 A Prefeitura de Rio Grande da Serra promove, a partir de hoje, reajuste de R$ 0,40 na tarifa do transporte de ônibus municipal. Com a medida, o valor da passagem passará dos atuais R$ 3,80 para R$ 4,20. A decisão foi publicada ontem no Diário Oficial em decreto assinado pelo prefeito Gabriel Maranhão (sem partido).

De acordo com a administração municipal, a correção da tarifa ocorre devido à necessidade de se restabelecer o equilíbrio econômico-financeiro contratual, que tem por fundamento a manutenção das condições estabelecidas junto à concessionária, a Viação Talismã.

Aos estudantes que se enquadram no benefício do passe escolar, fica concedida isenção integral do pagamento da tarifa, nos termos da Lei Municipal número 2.108, de 5 de fevereiro de 2015.

O município é o quinto do Grande ABC a anunciar reajuste no valor da passagem. Anteriormente, as prefeituras de Santo André (de R$ 4,40 para R$ 4,75), São Bernardo (de R$ 4,40 para R$ 4,75), Diadema (de R$ 4,40 para R$ 4,65) e Ribeirão Pires (de R$ 4 para R$ 4,40) já haviam aplicado a correção no preço da passagem.

A partir de amanhã será a vez de as passagens do Metrô e trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) sofrerem reajuste. Ambas vão passar dos atuais R$ 4 para R$ 4,30, aumento de 7,5%, levando a tarifa para o mesmo preço do ônibus de São Paulo, que teve aumento na última segunda-feira.

Até o fechamento desta edição, a Prefeitura de São Caetano não se manifestou a respeito de possível aumento na tarifa.

Já em Mauá, a atual gestão da prefeita interina Alaíde Damo (MDB) disse na última semana que tem feito análise de pedido de reajuste entregue pela concessionária Suzantur. Não há prazos para a administração municipal se manifestar sobre a correção.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Rio Grande reajusta tarifa do transporte coletivo para R$ 4,20 a partir de hoje

Correção no valor ocorre devido à necessidade de reequilíbrio econômico financeiro contratual

Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

12/01/2019 | 07:00


 A Prefeitura de Rio Grande da Serra promove, a partir de hoje, reajuste de R$ 0,40 na tarifa do transporte de ônibus municipal. Com a medida, o valor da passagem passará dos atuais R$ 3,80 para R$ 4,20. A decisão foi publicada ontem no Diário Oficial em decreto assinado pelo prefeito Gabriel Maranhão (sem partido).

De acordo com a administração municipal, a correção da tarifa ocorre devido à necessidade de se restabelecer o equilíbrio econômico-financeiro contratual, que tem por fundamento a manutenção das condições estabelecidas junto à concessionária, a Viação Talismã.

Aos estudantes que se enquadram no benefício do passe escolar, fica concedida isenção integral do pagamento da tarifa, nos termos da Lei Municipal número 2.108, de 5 de fevereiro de 2015.

O município é o quinto do Grande ABC a anunciar reajuste no valor da passagem. Anteriormente, as prefeituras de Santo André (de R$ 4,40 para R$ 4,75), São Bernardo (de R$ 4,40 para R$ 4,75), Diadema (de R$ 4,40 para R$ 4,65) e Ribeirão Pires (de R$ 4 para R$ 4,40) já haviam aplicado a correção no preço da passagem.

A partir de amanhã será a vez de as passagens do Metrô e trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) sofrerem reajuste. Ambas vão passar dos atuais R$ 4 para R$ 4,30, aumento de 7,5%, levando a tarifa para o mesmo preço do ônibus de São Paulo, que teve aumento na última segunda-feira.

Até o fechamento desta edição, a Prefeitura de São Caetano não se manifestou a respeito de possível aumento na tarifa.

Já em Mauá, a atual gestão da prefeita interina Alaíde Damo (MDB) disse na última semana que tem feito análise de pedido de reajuste entregue pela concessionária Suzantur. Não há prazos para a administração municipal se manifestar sobre a correção.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;