Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ribeirão Pires reajusta tarifa dos ônibus para R$ 4,40 a partir do dia 13

André Henriques/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeitura justifica que aumento no valor da passagem busca reequilíbrio do sistema


Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

08/01/2019 | 07:00


 A tarifa do transporte de ônibus municipal de Ribeirão Pires será reajustada para R$ 4,40 a partir do dia 13. O decreto que autoriza a medida foi publicado ontem pelo Paço.

De acordo com a administração municipal, o novo valor passa a valer aos usuários do Cartão BOM Comum e aos que realizam o pagamento da passagem em dinheiro. Para quem utiliza o vale-transporte, a tarifa aplicada será de R$ 4,60.

Em sua justificativa, o Paço alega que o aumento no valor da passagem, que atualmente é de R$ 4, visa reequilibrar as contas do sistema que, nos últimos cinco anos, teve reajustes que não acompanharam a inflação apurada no período. “De 2013 até 2018, a Rigras apontou reajuste de inflação de 41,38% do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) sobre seus custos. No mesmo período, os reajustes de tarifa de ônibus aplicados em Ribeirão Pires totalizam 21%”, explica a administração municipal.

Assim como ocorreu em demais municípios da região, o aumento das despesas que compõem os custos operacionais do serviço público, conforme planilha apresentada pela Rigras – concessionária que opera o sistema –, também contribuíram para a medida.

Em sua planilha de custos, a empresa havia solicitado à Prefeitura reajuste de R$ 4,79. No entanto, após a análise de toda a documentação apresentada, foi autorizado o realinhamento de valor menor.

Além de Ribeirão Pires, outras três cidades já aplicaram neste mês reajuste em suas tarifas: Santo André e São Bernardo (de R$ 4,40 para R$ 4,75), além de Diadema (R$ 4,40 para R$ 4,65).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ribeirão Pires reajusta tarifa dos ônibus para R$ 4,40 a partir do dia 13

Prefeitura justifica que aumento no valor da passagem busca reequilíbrio do sistema

Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

08/01/2019 | 07:00


 A tarifa do transporte de ônibus municipal de Ribeirão Pires será reajustada para R$ 4,40 a partir do dia 13. O decreto que autoriza a medida foi publicado ontem pelo Paço.

De acordo com a administração municipal, o novo valor passa a valer aos usuários do Cartão BOM Comum e aos que realizam o pagamento da passagem em dinheiro. Para quem utiliza o vale-transporte, a tarifa aplicada será de R$ 4,60.

Em sua justificativa, o Paço alega que o aumento no valor da passagem, que atualmente é de R$ 4, visa reequilibrar as contas do sistema que, nos últimos cinco anos, teve reajustes que não acompanharam a inflação apurada no período. “De 2013 até 2018, a Rigras apontou reajuste de inflação de 41,38% do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) sobre seus custos. No mesmo período, os reajustes de tarifa de ônibus aplicados em Ribeirão Pires totalizam 21%”, explica a administração municipal.

Assim como ocorreu em demais municípios da região, o aumento das despesas que compõem os custos operacionais do serviço público, conforme planilha apresentada pela Rigras – concessionária que opera o sistema –, também contribuíram para a medida.

Em sua planilha de custos, a empresa havia solicitado à Prefeitura reajuste de R$ 4,79. No entanto, após a análise de toda a documentação apresentada, foi autorizado o realinhamento de valor menor.

Além de Ribeirão Pires, outras três cidades já aplicaram neste mês reajuste em suas tarifas: Santo André e São Bernardo (de R$ 4,40 para R$ 4,75), além de Diadema (R$ 4,40 para R$ 4,65).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;