Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Egon pede para deixar Ramalhão e diretoria traz zagueiro do Treze


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

28/12/2018 | 07:00


O Santo André sofreu a segunda baixa antes mesmo do início da Série A-2 do Paulista. Depois de perder o volante Tiago Ulisses, que não se apresentou para a pré-temporada e decidiu ir para a Aparecidense-GO, agora foi a vez do zagueiro Egon, que vinha treinando, mas alegou problemas particulares e deixou o clube.

Para suprir as lacunas, a diretoria já havia contratado o meia Carlos Alberto, 30 anos, ex-Água Santa, e ontem acertou com o zagueiro Leonardo Luiz, 31 anos, que estava no Treze-PB, mas conta com passagens por Fortaleza, ABC-RN, Náutico e Fluminense.

No caso de Tiago Ulisses, a saída foi influenciada por proposta melhor do Aparecidense. Atual vice-campeã do Estadual, a equipe goiana vai disputar também a Copa do Brasil e a Série D do Brasileiro em 2019, o que amplia a perspectiva de o volante conseguir um ano de contrato, enquanto no Santo André o acordo teria validade até 30 de marco, quando acaba a primeira fase da A-2.

Já a saída de Egon surpreendeu. O zagueiro, 29 anos, chegou ao Santo André por intermédio do técnico Fernando Marchiori, que trabalhou com ele no Maringá, nesta temporada. Ele já não havia sido relacionado para o jogo treino de sábado, no empate por 0 a 0 com o Audax, em Osasco, e pediu para deixar o clube alegando problemas pessoais. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;