Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Chico do Judô é cotado para briga na Câmara


Fabio Martins

29/11/2018 | 07:01


Vereador licenciado de Mauá e atual secretário de Serviços Urbanos, Chico do Judô (Patriota) tem nome cogitado, nos bastidores, para deixar o alto escalão do Paço e embarcar na disputa à presidência da Câmara, com aval do prefeito Atila Jacomussi (PSB). Chico nutre da confiança de Atila. Prova disso é que ele foi o único que participou no governo interino de Alaíde Damo (MDB) e se manteve no cargo mesmo diante do cenário de reviravolta na cidade a partir do retorno do socialista. O plano A, na verdade, era emplacar Admir Jacomussi (PRP) na reeleição, situação hoje impedida pela LOM (Lei Orgânica do Município) – proposta passava por mudar a legislação, condição que não foi abraçada na Casa. Diante do impasse, a administração articula alternativa. No comando do Legislativo no primeiro biênio (2017-2018), Admir se mostrou peça fundamental para Atila no período de afastamento do cargo.  

Nomeação

 Por falar no prefeito mauaense, Atila Jacomussi (PSB) designou novo nome para o secretariado, ainda em substituição aos quadros então nomeados pela vice-prefeita Alaíde Damo (MDB), hoje desafeta político. Ontem, o governo socialista publicou a indicação da servidora Adriana Belic Cherubina para o comando da Secretaria de Cultura e Juventude. Ela já atuou como secretária adjunta da Pasta. As mudanças foram efetivadas, gradativamente, pelo chefe do Executivo desde a sua volta ao posto, autorizada pela Justiça.

Eleição antecipada

 Os vereadores de Santo André decidiram antecipar a eleição da mesa diretora da Câmara. A disputa, que aconteceria no dia 6, ficou acertada para terça-feira, ainda com panorama indefinido. O processo interno costuma apresentar surpresas. Em exercícios anteriores, nomes pouco comentados nos corredores foram içados de última hora para encabeçar chapa. Atualmente, o parlamentar Pedrinho Botaro (PSDB) é colocado como um dos favoritos, mas há outros quadros na concorrência. Antes do desgaste junto à Justiça, Elian Santana (SD) estava nesta lista. Maior bancada da Casa, a ala do PT pode ser, mais uma vez, fiel da balança.

 Votação da emenda 

 Existe expectativa em Santo André de que a emenda que trata da revogação de artigo da Luops (Lei de Uso, Ocupação e Parcelamento do Solo), que permite implantação de empreendimentos de logística em área próxima a Paranapiacaba, seja votada hoje no Legislativo, em duas sessões, sendo uma delas extraordinária. A Fazenda Campo Grande busca instalação de centro logístico na região da vila, com base em artigo aprovado em 2016. Manifestantes usaram as galerias da Câmara na terça-feira para cobrar a apreciação do texto que visa barrar o empreendimento. Entre os integrantes do protesto, o ambientalista Virgílio Alcides de Farias e o ex-vereador Ricardo Alvarez (Psol).

 Eleição de Claudinho

 Na sessão de ontem da Câmara de Rio Grande da Serra, em páreo acirrado à presidência da Casa, o vereador Claudinho Monteiro (PSB), líder do governo, venceu a disputa interna, por sete votos a seis, contra Ebio Viana de Oliveira, o Bibinho (PSDB). Com apoio do Paço, o socialista sucederá João Mineiro (PSDB). 

 Cenário embaralhado 

 Outra cidade do Grande ABC com cenário embaralhado para a eleição da presidência da Câmara é Ribeirão Pires. Na última sessão antes do pleito, que ocorre hoje, o vereador Humberto D’Orto, o Amigão (PTC), foi o quinto nome a surgir na disputa ao comando do Legislativo. Amigão usou a tribuna para oficializar sua candidatura e pediu que, caso houvesse outros candidatos a chefiar a Casa, também se manifestassem na ocasião. O atual presidente Rubão Fernandes (PSD), assim como Edmar Donizete Oldani (PV), Amaury Dias (PV) e Archeson Teixeira (PTB) têm mostrado interesse na briga.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Chico do Judô é cotado para briga na Câmara

Fabio Martins

29/11/2018 | 07:01


Vereador licenciado de Mauá e atual secretário de Serviços Urbanos, Chico do Judô (Patriota) tem nome cogitado, nos bastidores, para deixar o alto escalão do Paço e embarcar na disputa à presidência da Câmara, com aval do prefeito Atila Jacomussi (PSB). Chico nutre da confiança de Atila. Prova disso é que ele foi o único que participou no governo interino de Alaíde Damo (MDB) e se manteve no cargo mesmo diante do cenário de reviravolta na cidade a partir do retorno do socialista. O plano A, na verdade, era emplacar Admir Jacomussi (PRP) na reeleição, situação hoje impedida pela LOM (Lei Orgânica do Município) – proposta passava por mudar a legislação, condição que não foi abraçada na Casa. Diante do impasse, a administração articula alternativa. No comando do Legislativo no primeiro biênio (2017-2018), Admir se mostrou peça fundamental para Atila no período de afastamento do cargo.  

Nomeação

 Por falar no prefeito mauaense, Atila Jacomussi (PSB) designou novo nome para o secretariado, ainda em substituição aos quadros então nomeados pela vice-prefeita Alaíde Damo (MDB), hoje desafeta político. Ontem, o governo socialista publicou a indicação da servidora Adriana Belic Cherubina para o comando da Secretaria de Cultura e Juventude. Ela já atuou como secretária adjunta da Pasta. As mudanças foram efetivadas, gradativamente, pelo chefe do Executivo desde a sua volta ao posto, autorizada pela Justiça.

Eleição antecipada

 Os vereadores de Santo André decidiram antecipar a eleição da mesa diretora da Câmara. A disputa, que aconteceria no dia 6, ficou acertada para terça-feira, ainda com panorama indefinido. O processo interno costuma apresentar surpresas. Em exercícios anteriores, nomes pouco comentados nos corredores foram içados de última hora para encabeçar chapa. Atualmente, o parlamentar Pedrinho Botaro (PSDB) é colocado como um dos favoritos, mas há outros quadros na concorrência. Antes do desgaste junto à Justiça, Elian Santana (SD) estava nesta lista. Maior bancada da Casa, a ala do PT pode ser, mais uma vez, fiel da balança.

 Votação da emenda 

 Existe expectativa em Santo André de que a emenda que trata da revogação de artigo da Luops (Lei de Uso, Ocupação e Parcelamento do Solo), que permite implantação de empreendimentos de logística em área próxima a Paranapiacaba, seja votada hoje no Legislativo, em duas sessões, sendo uma delas extraordinária. A Fazenda Campo Grande busca instalação de centro logístico na região da vila, com base em artigo aprovado em 2016. Manifestantes usaram as galerias da Câmara na terça-feira para cobrar a apreciação do texto que visa barrar o empreendimento. Entre os integrantes do protesto, o ambientalista Virgílio Alcides de Farias e o ex-vereador Ricardo Alvarez (Psol).

 Eleição de Claudinho

 Na sessão de ontem da Câmara de Rio Grande da Serra, em páreo acirrado à presidência da Casa, o vereador Claudinho Monteiro (PSB), líder do governo, venceu a disputa interna, por sete votos a seis, contra Ebio Viana de Oliveira, o Bibinho (PSDB). Com apoio do Paço, o socialista sucederá João Mineiro (PSDB). 

 Cenário embaralhado 

 Outra cidade do Grande ABC com cenário embaralhado para a eleição da presidência da Câmara é Ribeirão Pires. Na última sessão antes do pleito, que ocorre hoje, o vereador Humberto D’Orto, o Amigão (PTC), foi o quinto nome a surgir na disputa ao comando do Legislativo. Amigão usou a tribuna para oficializar sua candidatura e pediu que, caso houvesse outros candidatos a chefiar a Casa, também se manifestassem na ocasião. O atual presidente Rubão Fernandes (PSD), assim como Edmar Donizete Oldani (PV), Amaury Dias (PV) e Archeson Teixeira (PTB) têm mostrado interesse na briga.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;