Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 29 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Diretor de 'Os Incríveis' pede que filme não seja classificado como 'infantil'

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


16/11/2018 | 20:12


O diretor Brad Bird usou seu Twitter nesta sexta-feira, 16, para ressaltar seu pedido de que a animação Os Incríveis deixe de ser classificada como "infantil" ou "para crianças".

Em julho deste ano, Brad havia publicado um tuíte em resposta a um seguidor que criticou o palavreado presente em um "filme infantil".

A resposta de Brad veio em seguida: "Com todo o respeito, este não é um "filme infantil". É uma animação, e categorizado como PG classificação indicativa usada nos Estados Unidos que indica que a produção possa conter linguagem ofensiva ou cenas de violência".

Nesta sexta-feira, 16, porém, o assunto voltou à tona quando uma seguidora mostrou que a loja virtual do iTunes inclui o filme na categoria de "Kids & Family" "Crianças e família".

Brad respondeu: "Obrigado por chamar minha atenção a isso. Nossa classificação não deveria ser diferente dos filmes de aventura da Marvel ou Lucasfilm apenas porque são animados."

"Como você chamaria sexismo ou racismo para uma forma de arte?", questiona, em seguida.

O diretor Guillermo del Toro também opinou sobre a discussão em seu Twitter: "Animação é o meio, não um genro - e nem um interesse restrito apenas a crianças ou famílias."

clique aqui



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diretor de 'Os Incríveis' pede que filme não seja classificado como 'infantil'


16/11/2018 | 20:12


O diretor Brad Bird usou seu Twitter nesta sexta-feira, 16, para ressaltar seu pedido de que a animação Os Incríveis deixe de ser classificada como "infantil" ou "para crianças".

Em julho deste ano, Brad havia publicado um tuíte em resposta a um seguidor que criticou o palavreado presente em um "filme infantil".

A resposta de Brad veio em seguida: "Com todo o respeito, este não é um "filme infantil". É uma animação, e categorizado como PG classificação indicativa usada nos Estados Unidos que indica que a produção possa conter linguagem ofensiva ou cenas de violência".

Nesta sexta-feira, 16, porém, o assunto voltou à tona quando uma seguidora mostrou que a loja virtual do iTunes inclui o filme na categoria de "Kids & Family" "Crianças e família".

Brad respondeu: "Obrigado por chamar minha atenção a isso. Nossa classificação não deveria ser diferente dos filmes de aventura da Marvel ou Lucasfilm apenas porque são animados."

"Como você chamaria sexismo ou racismo para uma forma de arte?", questiona, em seguida.

O diretor Guillermo del Toro também opinou sobre a discussão em seu Twitter: "Animação é o meio, não um genro - e nem um interesse restrito apenas a crianças ou famílias."

clique aqui

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;