Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Paola Carosella chora com eliminação de André no MasterChef

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


14/11/2018 | 10:08


O último episódio de MasterChef Profissionais, exibido na terça-feira, dia 13, foi emocionante. A primeira prova do programa foi linda e mostrou um pouco da cultura do Recife, com frevo e bonecos de Olinda para embalar o desafio. Divididos em grupos, os participantes deveriam montar um menu completo inspirado no estado nordestino do Brasil. Heaven e Daniel foram os capitães de equipe e, depois de muita tensão, o time amarelo acabou levando a melhor, levando Rafael e a própria Heaven ao mezanino. Daniel também acabou subindo por seu bom desempenho, enquanto Manoela encarou a temida Prova de Eliminação ao lado de André e Willian.

No último desafio, os cozinheiros tiveram que trabalhar com fermentados. A ordem de escolha do fermentado foi por sorteio: primeiro, Willian escolheu o umeboshi. Depois, foi a fez de Manoela com o kenfir de leite. Por último, André acabou ficando com o kimchi.

Apesar de André ter feito uma apresentação considerada ótima pelos jurados Paola Carosella, Erick Jacquin e Henrique Fogaça, faltou sabor em seu prato, o que resultou em sua eliminação. Em entrevista ao site oficial do programa, o curitibano assumiu que problemas pessoais interferiram no seu desempenho na prova.

- Eu não esperava trabalhar com fermentação no programa, porque é algo que demora muito para ser feito. Eu fui direto no kimchi porque eu queria pegar o umeboshi, mas o Willian Peters havia escolhido ele. Então, eu já tive que mudar de estratégia. Para ficar em uma zona de conforto, mais ou menos, eu fui para o kimchi porque eu não estava com cabeça para arriscar. Como eu faço kimchi em casa e sempre sirvo nos restaurantes que trabalho, para mim era mais fácil trabalhar com ele. Acho que o prato que eu fiz estava bom, o que não estava muito bem era minha cabeça. Eu estava focado em outras coisas, focando nos problemas e não na solução. Estava com a cabeça no meu filho, na minha família. Então, a cabeça fora do programa foi o que mais me prejudicou nessa prova. Problemas pessoais acabaram interferindo no meu desempenho no MasterChef Profissionais, mas eu saio feliz, mesmo com a derrota. Porque eu consegui mostrar quem eu sou. Consegui ser verdadeiro e as pessoas gostaram disso. Meu objetivo aqui está concluído: mostrar minha filosofia de vida e de trabalho.

Paola foi às lágrimas com a saída do participante, já que ele sempre teve destaque dentro da competição.

- Dá muito orgulho escutar essas palavras dos chefs, porque é muito difícil ir embora. Então, ir embora sendo uma referência, é uma massagem no ego, apontou André.

Ele ainda revelou a sua torcida para a final.

- Eu torço muito para o Willian e para a Manoela. Porém, por uma questão de desempenho e por questão de cozinha, eu espero que o Willian ganhe. Não desmerecendo a Manu, mas ela já tem um estilo de cozinha definido, já tem uma base na cozinha dela. O Will está saindo da sombra dos outros chefs e mostrando a cara, dando a cara a tapa. Então, eu queria que ele fosse recompensado por isso.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Paola Carosella chora com eliminação de André no MasterChef


14/11/2018 | 10:08


O último episódio de MasterChef Profissionais, exibido na terça-feira, dia 13, foi emocionante. A primeira prova do programa foi linda e mostrou um pouco da cultura do Recife, com frevo e bonecos de Olinda para embalar o desafio. Divididos em grupos, os participantes deveriam montar um menu completo inspirado no estado nordestino do Brasil. Heaven e Daniel foram os capitães de equipe e, depois de muita tensão, o time amarelo acabou levando a melhor, levando Rafael e a própria Heaven ao mezanino. Daniel também acabou subindo por seu bom desempenho, enquanto Manoela encarou a temida Prova de Eliminação ao lado de André e Willian.

No último desafio, os cozinheiros tiveram que trabalhar com fermentados. A ordem de escolha do fermentado foi por sorteio: primeiro, Willian escolheu o umeboshi. Depois, foi a fez de Manoela com o kenfir de leite. Por último, André acabou ficando com o kimchi.

Apesar de André ter feito uma apresentação considerada ótima pelos jurados Paola Carosella, Erick Jacquin e Henrique Fogaça, faltou sabor em seu prato, o que resultou em sua eliminação. Em entrevista ao site oficial do programa, o curitibano assumiu que problemas pessoais interferiram no seu desempenho na prova.

- Eu não esperava trabalhar com fermentação no programa, porque é algo que demora muito para ser feito. Eu fui direto no kimchi porque eu queria pegar o umeboshi, mas o Willian Peters havia escolhido ele. Então, eu já tive que mudar de estratégia. Para ficar em uma zona de conforto, mais ou menos, eu fui para o kimchi porque eu não estava com cabeça para arriscar. Como eu faço kimchi em casa e sempre sirvo nos restaurantes que trabalho, para mim era mais fácil trabalhar com ele. Acho que o prato que eu fiz estava bom, o que não estava muito bem era minha cabeça. Eu estava focado em outras coisas, focando nos problemas e não na solução. Estava com a cabeça no meu filho, na minha família. Então, a cabeça fora do programa foi o que mais me prejudicou nessa prova. Problemas pessoais acabaram interferindo no meu desempenho no MasterChef Profissionais, mas eu saio feliz, mesmo com a derrota. Porque eu consegui mostrar quem eu sou. Consegui ser verdadeiro e as pessoas gostaram disso. Meu objetivo aqui está concluído: mostrar minha filosofia de vida e de trabalho.

Paola foi às lágrimas com a saída do participante, já que ele sempre teve destaque dentro da competição.

- Dá muito orgulho escutar essas palavras dos chefs, porque é muito difícil ir embora. Então, ir embora sendo uma referência, é uma massagem no ego, apontou André.

Ele ainda revelou a sua torcida para a final.

- Eu torço muito para o Willian e para a Manoela. Porém, por uma questão de desempenho e por questão de cozinha, eu espero que o Willian ganhe. Não desmerecendo a Manu, mas ela já tem um estilo de cozinha definido, já tem uma base na cozinha dela. O Will está saindo da sombra dos outros chefs e mostrando a cara, dando a cara a tapa. Então, eu queria que ele fosse recompensado por isso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;