Fechar
Publicidade

Sábado, 17 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Três são assaltados em clube de aeromodelismo


Andrea Catão
Do Diário do Grande ABC

29/11/2005 | 08:07


Três rapazes foram assaltados na tarde de segunda-feira quando praticavam aeromodelismo em um clube no Jardim Alzira Franco, em Santo André. Um deles sofreu seqüestro relâmpago quando os assaltantes – todos menores de idade – descobriram que ele possuía cartão bancário. A polícia identificou os três adolescentes, que moram na favela do Parque João Ramalho, mas segunda-feira à tarde só havia conseguido deter um deles, R.D., 16 anos, que já teria três passagens por furto. Os outros dois conseguiram fugir com o dinheiro dos rapazes. Segundo a polícia, eles têm 12 e 15 anos.

As três vítimas disseram que o clube estava vazio e há segurança apenas nos finais de semana, período de maior freqüência de sócios. “Possivelmente, eles já nos observavam de longe. Devem ter visto os aviões no ar e perceberam que estávamos sozinhos. Chegaram atrás de nós”, disse um dos rapazes.

Enquanto um dos aviões estava sendo pilotado, os três adolescentes anunciaram o assalto. Segundo as vítimas, eles as teriam revistado e recolhido dinheiro das carteiras e telefones celulares. “Estávamos em dois carros, que foram depenados. Retiraram rádio, acessórios e o volante. Deixaram tudo no banco de trás, quando viram que eu estava com o cartão do banco”, afirmou o rapaz.

O trio resolveu que dois iriam com ele até o caixa eletrônico, localizado em posto na avenida dos Estados, enquanto o outro permaneceria armado com as outras duas vítimas. “Disseram que matariam os dois se não voltássemos em meia hora. Na volta, acertaram que levariam o dinheiro e os acessórios retirados dos carros.”

Enquanto uma das vítimas seguia para o caixa eletrônico, dois investigadores do 5º Distrito Policial de Santo André passaram pelo local e viram o menor armado. “A arma (uma pistola cromada calibre 32) brilhava com o reflexo do sol e chamou a atenção dos investigadores”, afirmou a delegada titular do 5º DP, Vera Lúcia Pereira Araújo. Quando a polícia chegou, R.D. jogou a arma dentro de um dos veículos e correu. No entanto, foi detido pelos policiais em seguida.

Depois de o garoto ser detido, as duas vítimas contaram à polícia que o amigo estava em poder de outros dois assaltantes. Mas, no retorno, os menores perceberam a movimentação estranha de longe e fugiram, segundo o rapaz, que sacou R$ 500 da conta bancária e entregou aos assaltantes. “Acho que eles viram a polícia quando subíamos a rua porque disseram para eu andar na frente e não olhar para trás. Pensei que atirariam em mim, embora não tinha certeza de que também estariam armados, pois só vi um deles armado.”

Com o único menor detido, foi encontrada a pistola. Os outros dois fugiram com o dinheiro. Ele foi encaminhado ao 5º DP e nesta terça-feira deve ser apresentado à Vara da Infância e da Juventude. “Possivelmente, esse adolescente deverá ser encaminhado à Febem. Os outros delitos que cometeu eram de menor gravidade. Foram três furtos, sendo que um deles de veículo. Mas como estava armado, deverá ficar detido”, afirmou a delegada.

Segundo a delegada, ele teria dito que comprou a pistola na feira do rolo de São Mateus, bairro da zona Leste da capital. Os outros dois garotos, de 12 e 15 anos, já foram identificados. Nesta terça-feira, a polícia deve entrar em contato com a família dos dois para que os apresentem e sejam reconhecidos pelas vítimas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Três são assaltados em clube de aeromodelismo

Andrea Catão
Do Diário do Grande ABC

29/11/2005 | 08:07


Três rapazes foram assaltados na tarde de segunda-feira quando praticavam aeromodelismo em um clube no Jardim Alzira Franco, em Santo André. Um deles sofreu seqüestro relâmpago quando os assaltantes – todos menores de idade – descobriram que ele possuía cartão bancário. A polícia identificou os três adolescentes, que moram na favela do Parque João Ramalho, mas segunda-feira à tarde só havia conseguido deter um deles, R.D., 16 anos, que já teria três passagens por furto. Os outros dois conseguiram fugir com o dinheiro dos rapazes. Segundo a polícia, eles têm 12 e 15 anos.

As três vítimas disseram que o clube estava vazio e há segurança apenas nos finais de semana, período de maior freqüência de sócios. “Possivelmente, eles já nos observavam de longe. Devem ter visto os aviões no ar e perceberam que estávamos sozinhos. Chegaram atrás de nós”, disse um dos rapazes.

Enquanto um dos aviões estava sendo pilotado, os três adolescentes anunciaram o assalto. Segundo as vítimas, eles as teriam revistado e recolhido dinheiro das carteiras e telefones celulares. “Estávamos em dois carros, que foram depenados. Retiraram rádio, acessórios e o volante. Deixaram tudo no banco de trás, quando viram que eu estava com o cartão do banco”, afirmou o rapaz.

O trio resolveu que dois iriam com ele até o caixa eletrônico, localizado em posto na avenida dos Estados, enquanto o outro permaneceria armado com as outras duas vítimas. “Disseram que matariam os dois se não voltássemos em meia hora. Na volta, acertaram que levariam o dinheiro e os acessórios retirados dos carros.”

Enquanto uma das vítimas seguia para o caixa eletrônico, dois investigadores do 5º Distrito Policial de Santo André passaram pelo local e viram o menor armado. “A arma (uma pistola cromada calibre 32) brilhava com o reflexo do sol e chamou a atenção dos investigadores”, afirmou a delegada titular do 5º DP, Vera Lúcia Pereira Araújo. Quando a polícia chegou, R.D. jogou a arma dentro de um dos veículos e correu. No entanto, foi detido pelos policiais em seguida.

Depois de o garoto ser detido, as duas vítimas contaram à polícia que o amigo estava em poder de outros dois assaltantes. Mas, no retorno, os menores perceberam a movimentação estranha de longe e fugiram, segundo o rapaz, que sacou R$ 500 da conta bancária e entregou aos assaltantes. “Acho que eles viram a polícia quando subíamos a rua porque disseram para eu andar na frente e não olhar para trás. Pensei que atirariam em mim, embora não tinha certeza de que também estariam armados, pois só vi um deles armado.”

Com o único menor detido, foi encontrada a pistola. Os outros dois fugiram com o dinheiro. Ele foi encaminhado ao 5º DP e nesta terça-feira deve ser apresentado à Vara da Infância e da Juventude. “Possivelmente, esse adolescente deverá ser encaminhado à Febem. Os outros delitos que cometeu eram de menor gravidade. Foram três furtos, sendo que um deles de veículo. Mas como estava armado, deverá ficar detido”, afirmou a delegada.

Segundo a delegada, ele teria dito que comprou a pistola na feira do rolo de São Mateus, bairro da zona Leste da capital. Os outros dois garotos, de 12 e 15 anos, já foram identificados. Nesta terça-feira, a polícia deve entrar em contato com a família dos dois para que os apresentem e sejam reconhecidos pelas vítimas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;