Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Trabalho temporário


Lucas Nogueira
Diretor de recrutamento da Robert Half

30/10/2018 | 07:07


Um dos principais mitos do mercado está relacionado ao trabalho temporário. Muitas pessoas ainda associam esse modelo de contratação apenas para funções operacionais, entre as quais aquelas que geram demanda em épocas sazonais do ano, como Páscoa e Natal. Mas saiba que existem excelentes oportunidades temporárias em projetos especializados para cargos que vão de analista a diretor. A seguir, cinco particularidades dessa modalidade:

1. Em quais momentos são contratados – Esses profissionais são contratados para dar apoio à equipe permanente, diante de demanda emergencial ou programada. Eles podem atuar em posições estratégicas na gestão de riscos, governança e compliance; redução de custos e otimização de sistemas; sobrecarga de trabalho; gestão de caixa e controle de custos, entre outras.

2. Perfil valorizado – Para atuar como temporário em cargos que vão de analista a diretor é preciso ter foco na resolução de problemas, senso de dono e sólido conhecimento na área de atuação, além de ser consultivo, questionador e flexível. Fluência no idioma inglês é diferencial muito importante, podendo ser mandatório, em alguns casos.

3. Vantagens de trabalhar como temporário – 86% dos profissionais entrevistados pela Robert Half classificaram a experiência de trabalhar em um projeto temporário como positiva para o currículo. Entre as principais vantagens estão o aumento do networking, da experiência em diferentes segmentos, da especialização na função e da empregabilidade. Ao final do projeto, alguns profissionais optam por seguir carreira como especialistas, enquanto outros acabam sendo incorporados ao quadro de profissionais permanentes em algumas empresas.

4. Vantagens de contratar profissional para projeto temporário – Quase 40% das empresas entrevistadas pela Robert Half já consideram a possibilidade de contratar profissionais por projetos para garantir as habilidades técnicas necessárias em seus departamentos. Entre as vantagens citadas pelos empregadores, estão: acesso rápido à mão de obra qualificada; preenchimento rápido de uma posição-chave; maior eficiência e agilidade nas atividades; conclusão de um projeto com sucesso; e transferência de conhecimento para os pares da equipe.

5. Direitos trabalhistas – O profissional temporário está coberto pela CLT, ou seja, possui os mesmos direitos de um recurso interno, como 13º salário, acesso ao INSS e ao FGTS, e férias proporcionais. Tudo válido pelo período do contrato. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Trabalho temporário

Lucas Nogueira
Diretor de recrutamento da Robert Half

30/10/2018 | 07:07


Um dos principais mitos do mercado está relacionado ao trabalho temporário. Muitas pessoas ainda associam esse modelo de contratação apenas para funções operacionais, entre as quais aquelas que geram demanda em épocas sazonais do ano, como Páscoa e Natal. Mas saiba que existem excelentes oportunidades temporárias em projetos especializados para cargos que vão de analista a diretor. A seguir, cinco particularidades dessa modalidade:

1. Em quais momentos são contratados – Esses profissionais são contratados para dar apoio à equipe permanente, diante de demanda emergencial ou programada. Eles podem atuar em posições estratégicas na gestão de riscos, governança e compliance; redução de custos e otimização de sistemas; sobrecarga de trabalho; gestão de caixa e controle de custos, entre outras.

2. Perfil valorizado – Para atuar como temporário em cargos que vão de analista a diretor é preciso ter foco na resolução de problemas, senso de dono e sólido conhecimento na área de atuação, além de ser consultivo, questionador e flexível. Fluência no idioma inglês é diferencial muito importante, podendo ser mandatório, em alguns casos.

3. Vantagens de trabalhar como temporário – 86% dos profissionais entrevistados pela Robert Half classificaram a experiência de trabalhar em um projeto temporário como positiva para o currículo. Entre as principais vantagens estão o aumento do networking, da experiência em diferentes segmentos, da especialização na função e da empregabilidade. Ao final do projeto, alguns profissionais optam por seguir carreira como especialistas, enquanto outros acabam sendo incorporados ao quadro de profissionais permanentes em algumas empresas.

4. Vantagens de contratar profissional para projeto temporário – Quase 40% das empresas entrevistadas pela Robert Half já consideram a possibilidade de contratar profissionais por projetos para garantir as habilidades técnicas necessárias em seus departamentos. Entre as vantagens citadas pelos empregadores, estão: acesso rápido à mão de obra qualificada; preenchimento rápido de uma posição-chave; maior eficiência e agilidade nas atividades; conclusão de um projeto com sucesso; e transferência de conhecimento para os pares da equipe.

5. Direitos trabalhistas – O profissional temporário está coberto pela CLT, ou seja, possui os mesmos direitos de um recurso interno, como 13º salário, acesso ao INSS e ao FGTS, e férias proporcionais. Tudo válido pelo período do contrato. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;