Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Careca comemora recomeço no Tigre

Nario Barbosa/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Atacante de 35 anos fez contra o São Caetano a segunda partida desde que voltou da Tailândia


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

14/09/2018 | 07:00


Um dos principais reforços do São Bernardo para a Copa Paulista, o atacante Rodrigo Careca fez diante do São Caetano, quarta-feira, o segundo jogo desde que voltou ao clube, no início de agosto. Ainda se adaptando ao futebol brasileiro após passar quatro anos na Tailândia – seu último clube foi o Suphanburi –, ele vê o recomeço com bons olhos.

“Como fiquei muitos anos fora do Brasil estou tendo um pouco de dificuldade (na readaptação). É difícil também pela idade, que pesa um pouco”, explicou o atacante de 35 anos. “Procuro fazer o que o Wilson (Júnior, técnico) pede. Estou ajudando na marcação e conversamos bastante”, acrescentou.

Careca é ídolo da torcida desde que integrou o primeiro time da história do Tigre, que conquistou o acesso no Paulista da Segunda Divisão de 2005. Depois de empréstimos, ainda defendeu o clube nas temporadas 2006 e 2007, e retornou para mais uma passagem entre 2013 (quando conquistou a Copa Paulista) e 2014.

Contra o São Caetano, Careca teve boa movimentação ofensiva e chance de fazer gol. Mesmo que demore para balançar a rede, isso não parece preocupar o atacante. “Não sou mais nenhum menino e vim para ajudar. Independentemente de marcar gols ou não, vim para me entregar, me dedicar ao máximo para que o São Bernardo possa ser favorecido no final”, explicou o atacante.

A próxima chance de Careca balançar a rede será amanhã, quando o São Bernardo enfrentará o Água Santa, às 15h, no Estádio do Inamar. “Sabemos que não existe mais time bobo no futebol. Lá dentro são 11 contra 11. Independentemente se a equipe deles é sub-23 ou não, se não lutarmos do começo ao fim da partida vamos sofrer. Tenho certeza que os resultados positivos vão voltar a acontecer”, projetou Careca.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;