Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Relação etanol/gasolina sobe a 60,12% na 1ª semana do mês em SP

Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


12/09/2018 | 13:59


A relação entre os preços do etanol subiu na primeira semana de setembro, atingindo 60,12%, após 57,61% na anterior, conforme a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). No início deste mesmo mês de 2017, essa equivalência era maior, de 67,81%.

Para especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso quando o preço do derivado da cana-de-açúcar representa mais de 70% do valor da gasolina. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do etanol é de 70% do poder do combustível fóssil. Com a relação entre 70% e 70,5%, é considerada indiferente a utilização de gasolina ou etanol.

"Os preços do etanol estão começando a voltar ao normal, enquanto a gasolina segue pressionada por causa do dólar. A tendência é que essa relação deixe de ser favorável entre o fim e o começo de novembro", estima o economista da Fipe Guilherme Moreira.

No Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a taxa de inflação na cidade de São Paulo, os preços do etanol tiveram queda de 4,37% na primeira quadrissemana de setembro (últimos 30 dias terminados no dia 7) após recuo de 6,18% no fim de agosto.

A queda da gasolina também perdeu ímpeto, ao ficar com variação negativa de 0,45% no período depois de -1,05%. Com isso, o grupo Transportes no IPC teve declínio de 0,29% na comparação com retração de 0,42%. O IPC, por sua vez, teve alta de 0,40% na primeira quadrissemana do mês, após 0,41% no fim de agosto.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados