Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Tecnologia

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Plataforma Abertamente traz conteúdo focado em saúde mental

Da Redação

12/09/2018 | 07:18


Em busca de levar informação de qualidade sobre saúde mental e desmistificar o assunto, a Plataforma Abertamente foi criada para ajudar quem sofre e precisa de acolhimento. Por lá, semanalmente, são postados vídeos e conteúdos importantes com orientações médicas que tratam, de maneira objetiva, os sintomas das principais  doenças que afetam o sistema nervoso central. Entre elas, depressão, ansiedade, esquizofrenia e síndrome do pânico.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que no Brasil, 23 milhões de pessoas tenham problemas com a saúde mental.  Sendo ao menos cinco milhões em níveis que vão de moderado a grave.

Na opinião do neurologista, Dr. Willians Lorenzatto, a Plataforma Abertamente é muito importante para que as pessoas tenham total acesso à informação. “O objetivo é que a pessoa tenha uma referência na hora de pesquisar sobre o tema e também um canal com os especialistas da área. A população precisa saber que há várias formas de tratamento, sem que haja uma internação”, afirma.

Centro de Valorização da Vida

A Plataforma Abertamente, idealizada pela FQM Farma, participa da campanha Setembro Amarelo de conscientização sobre a prevenção do suicídio em apoio ao Centro de Valorização da Vida (CVV). Serão exibidos ainda vídeos nas mídias sociais com o objetivo de atrair e engajar novos voluntários à iniciativa.

Atualmente, o CVV é um canal que dá apoio emocional gratuito e sigiloso por meio do telefone no número 188, e-mail e chat. Para se candidatar ao voluntariado, basta ter mais de 18 anos de idade, tempo disponível para os plantões semanais e vontade de conversar com pessoas desconhecidas sem pré-conceitos, críticas ou aconselhamentos. Saiba mais em: www.cvv.org.br.

Leia mais: 
Spotify lança playlist 188 no mês de prevenção ao suicídio
Saúde mental: plataforma cria tabela com informações sobre transtornos emocionais

Lo-Fi Hip Hop é a nova febre da internet para relaxar e focar

Está precisando relaxar? Uma dica é seguir perfis diferentões no Instagram. Confira uma seleção que vai garantir boas risadas:

 
 

<
>

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;