Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 16 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Lorenzoni minimiza pontuação de Bolsonaro nas pesquisas Ibope e Datafolha



11/09/2018 | 22:05


O deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) minimizou a pontuação nas pesquisas de Jair Bolsonaro (PSL), de quem é um dos coordenadores de campanha, e criticou os institutos Ibope e Datafolha.

A pesquisa Ibope divulgada hoje mostra Bolsonaro na liderança, com 26%. Já o Datafolha publicado ontem apontou o candidato do PSL com 24%. Nos levantamentos passados, feitos antes da facada durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG), o capitão aparecia com 22%.

"O Ibope e o Datafolha vinham segurando o Jair nos últimos meses. Agora, eles estão ajustando os números para onde eles deveriam estar", afirmou o deputado ao Broadcast Político.

Lorenzoni criticou ainda o Ibope e disse que o instituto "não merece respeito". "No meu Rio Grande do Sul, eles não acertam o resultado de nenhuma eleição", afirmou.

Lorenzoni também disse que a campanha do PSL acredita em vitória ainda em primeiro turno. "O Jair deu o sangue para o Brasil. Agora o povo brasileiro de bem vai retribuí-lo", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lorenzoni minimiza pontuação de Bolsonaro nas pesquisas Ibope e Datafolha


11/09/2018 | 22:05


O deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) minimizou a pontuação nas pesquisas de Jair Bolsonaro (PSL), de quem é um dos coordenadores de campanha, e criticou os institutos Ibope e Datafolha.

A pesquisa Ibope divulgada hoje mostra Bolsonaro na liderança, com 26%. Já o Datafolha publicado ontem apontou o candidato do PSL com 24%. Nos levantamentos passados, feitos antes da facada durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG), o capitão aparecia com 22%.

"O Ibope e o Datafolha vinham segurando o Jair nos últimos meses. Agora, eles estão ajustando os números para onde eles deveriam estar", afirmou o deputado ao Broadcast Político.

Lorenzoni criticou ainda o Ibope e disse que o instituto "não merece respeito". "No meu Rio Grande do Sul, eles não acertam o resultado de nenhuma eleição", afirmou.

Lorenzoni também disse que a campanha do PSL acredita em vitória ainda em primeiro turno. "O Jair deu o sangue para o Brasil. Agora o povo brasileiro de bem vai retribuí-lo", disse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;