Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 16 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Tunico vai à Câmara para atenuar tom contra Consórcio

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Secretário executivo foi chamado por vereador de Sto.André para tratar sobre auxílio de helicóptero


Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

05/09/2018 | 07:52


O secretário executivo do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, Tunico Vieira (MDB), compareceu ontem à Câmara de Santo André para minimizar tom de críticas relacionadas ao projeto da entidade de contratar auxílio de um helicóptero para operações de segurança regional. O plano tem sido alvo de debates acalorados no Legislativo desde junho, quando foi anunciada a proposta, que tende a ser viabilizada até dezembro. O objetivo seria de patrulhamento aéreo como parte das ações diárias da GCM (Guarda Civil Municipal) em locais vulneráveis e áreas de divisas.

Tunico foi convidado para prestar esclarecimentos sobre o tema, a partir de requerimento de autoria do vereador Fábio Lopes (PPS). O emedebista falou no plenarinho, aos parlamentares, em defesa das ações do Consórcio – principalmente àqueles projetos encaminhados após o início de maio, período em que substituiu Fabio Palacio (PSD) no posto –, englobando também prestação de contas, como a atuação para resgatar emendas que estavam na iminência de serem perdidas.

Sobre o contrato de aluguel do helicóptero, Tunico citou o termo de referência, que baseará o processo licitatório (pregão). A despesa mensal seria cerca de R$ 300 mil aos cofres da entidade regional. O valor será empenhado no pagamento da locação, além de custos com combustível e profissionais.

Líder do governo Paulo Serra (PSDB), Pedrinho Botaro (PSDB) avaliou que a “apresentação foi interessante ao resumir o trabalho do Consórcio”. “Não senti ninguém com fala de contrariedade.” Fábio Lopes alegou, contudo, que a explicação “não ficou a contento”, embora tenha sido “muito solícito”. “Não tivemos esclarecimentos necessários em relação a se a viatura ficará apenas de controle das divisas, com possibilidade de ataque, caso haja necessidade, ou será câmera de monitoramento. Ficou vago. Quem vai dar apoio? A GCM tem limitação por lei, tanto de armamento quanto de competência entre os municípios.”

Alaíde Damo falta a mais uma reunião da entidade regional

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

A prefeita em exercício de Mauá, Alaíde Damo (MDB), faltou mais uma vez à reunião do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC. Segundo o presidente da entidade e prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), a emedebista ligou para avisar que não poderia comparecer à atividade. “Ela teve alguns contratempos e não conseguiu vir. Ela me ligou de manhã e avisou.”

Além do prefeito de São Bernardo, os chefes de Executivo de Santo André, Paulo Serra (PSDB), e de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSB), foram ao encontro.

Desde que assumiu o comando do Paço, Alaíde não prestigiou uma assembleia mensal de prefeitos. A ex-deputada estadual Vanessa Damo, filha de Alaíde, e o secretário de Governo de Mauá, Antônio Carlos de Lima (PRTB), compareceram ao encontro no mês passado.

Morando admitiu que alguns temas continuam pendentes, como a cobrança de repasses de cidades inadimplentes. Apesar da ausência de pagamento de algumas cidades, Morando afastou problemas financeiros. “Não tem nenhum descompasso ou desequilíbrio”, disse. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;