Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

No Rio, candidato do Novo promete privatizar Cedae e 'abrir o capital' do Estado



02/09/2018 | 14:29


O candidato ao governo do Rio de Janeiro pelo Novo nas eleições 2018, o advogado Marcelo Trindade presidiu a Comissão de Valores Mobiliários e agora quer "abrir o capital do Rio" para focar os recursos do governo no que considera uma vocação pública: saúde, educação e segurança.

Em caminhada realizada neste Domingo, 2, pela orla da zona sul carioca, Trindade disse que se eleito vai privatizar a Cedae (Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro) e passar à iniciativa privada a gestão de rodovias "e todo o serviço público que puder, por um preço justo", afirmou.

Ele criticou quem se posiciona contra a venda da empresa. "Quem diz que não vai privatizar a Cedae, não vai cumprir o plano de recuperação fiscal do Rio, está rasgando o plano de recuperação fiscal, e a gente quebra se não cumprir o plano", afirmou a jornalistas antes da caminhada.

Além das privatizações, Trindade promete enxugar a máquina do Estado. "A máquina é muita inchada, e principalmente tem cargos de confiança em excesso, pode economizar, extinguir autarquias, extinguir órgãos", explicou, fazendo questão de lembrar que, no programa do partido, a primeira preocupação foi deixar claro de onde viriam os recursos para investir.

"O que o partido Novo quer é que a gente foque em saúde, educação e segurança, qualidade de serviço público, saneamento, e o resto a iniciativa privada vai fazer", disse o candidato que teve 1% dos votos na última pesquisa do Ibope, antes do início da campanha eleitoral pela TV.

Trindade observou no entanto que, no longo prazo, a tendência é de que os investimentos em segurança percam espaço para a educação no orçamento do governo estadual. "No longo prazo, precisa aumentar investimento em educação e diminuir em segurança, senão a gente vai enxugar gelo a vida inteira. Precisa fazer com que essa gangorra se mova, mais dinheiro em educação e menos dinheiro na segurança", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;