Fechar
Publicidade

Sábado, 17 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Morador de rua é condenado a 24 anos de prisão por matar dois colegas


Da Redação

31/08/2018 | 07:00


 O morador de rua Manoel Almeida da Silva, 47 anos, foi condenado ontem a 24 anos de prisão, em regime fechado, pela morte de dois moradores de rua em agosto do ano passado, no bairro Casa Branca, em Santo André. Cabe recurso à decisão.

O crime foi em 27 de agosto de 2017. Na ocasião, Silva arrancou uma barra de ferro do estacionamento de um salão de cabeleireiro e se dirigiu à calçada do Cini (Centro Integrado de Neurologia Infantil), na Rua Onze de Junho. Lá, dormiam Fabio Netto das Neves, 48, e o inglês Michael Steer Renshaw, 50, que foram agredidos, sem chance de defesa. Ambos morreram no local.

Logo após o crime, Silva, que já tem passagens pela polícia pelos crimes de furto e violência doméstica, disse a Polícia ter se arrependido de seus atos. Segundo a investigação, o homem afirmou que sentiu necessidade de vingança por ter sido agredido pelas vítimas durante uma partida de dominó.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;