Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 20 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Torcida dá show, rivais ajudam e Tricolor se isola no primeiro lugar

Time vence Ceará por 1 a 0 no Morumbi lotado; adversários diretos, Inter e Flamengo só empatam


Dérek Bittencourt

27/08/2018 | 07:00


Com verdadeiro show da torcida nas arquibancadas, o São Paulo fez o dever de casa no Campeonato Brasileiro. Ontem, em sua primeira experiência matutina na competição, recebeu o vice-lanterna Ceará e venceu por 1 a 0. Depois, ficou na torcida por tropeços de Internacional e Flamengo, adversários diretos na ponta da competição. E ambos empataram (com Palmeiras e América-MG, respectivamente), permitindo ao Tricolor abrir três pontos na liderança – soma 45, contra 42 do Colorado e 41 do Rubro-Negro carioca. Já os cearenses, ainda na 19ª colocação, têm 17.

Se esperava partida mais tranquila, até para presentear o terceiro melhor público deste Brasileirão: 57.323 torcedores compareceram, marca que só perde para São Paulo x Corinthians (58.624) e Fluminense x Flamengo (59.987, em Brasília). Mas a verdade é que os visitantes se postaram muito bem defensivamente.

Ainda assim, os são-paulinos finalizaram 21 vezes na partida, mas estava difícil balançar as redes. O goleiro Éverson também esteve em jornada bastante inspirada, dificultando a vida tricolor. O arqueiro cearense apareceu bem duas vezes em chute de Reinaldo e rebote de Everton logo no início. Rojas e Nenê também tiveram oportunidades na etapa inicial, mas mandaram para fora.

Já no segundo tempo, o Ceará percebeu que poderia beliscar mais do que um ponto e passou a apostar na velocidade. Enquanto isso, Éverson seguia segurando – ou espalmando – o que vinha para o gol. Até então um espectador de luxo, Sidão teve trabalho aos 18, quando Leandro Carvalho apareceu cara a cara com o goleiro são-paulino, que levou a melhor.

Entretanto, aos 32 minutos, o grito que estava entalado saiu da garganta do torcedor: após jogada individual de Reinaldo, Diego Souza serviu Bruno Peres, que girou e acertou o canto: 1 a 0 para o São Paulo.

O Ceará teve Leandro Carvalho expulso logo na sequência, mas ainda assim criou uma última oportunidade. E quase que Arthur iguala o placar. Mas era mesmo um dia em que tudo estava a favor do São Paulo.

Aguirre vê vitória merecida e elogia presença do público

A vitória foi magra, mas Diego Aguirre exaltou o resultado do São Paulo sobre o Ceará, na manhã de ontem. Segundo o comandante tricolor, seu time fez por merecer deixar o campo com os três pontos por tudo o que fez nos 90 minutos.

“Acho que merecíamos algo mais. No primeiro tempo, perdemos algumas situações. Ninguém pode duvidar que foi merecido, e que se alguém tinha que ganhar, era o São Paulo”, disse o treinador, que não poupou elogios ao público que foi ao Morumbi. “A torcida foi espetacular. Parte da vitória foi dela. Sentimos o apoio, o calor, todos juntos. O São Paulo tem identidade, a torcida vê, vocês (jornalistas) veem, e fico feliz, porque foi uma das primeiras coisas que falei quando assinei contrato: queria que o São Paulo se identificasse com todos.” 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;