Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Na região, metade do 13º do INSS injeta R$ 750 mi

Marcello Casal Jr/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Pagamento começa dia 27, mas consulta ao valor a ser recebido pode ser feita a partir de hoje


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

17/08/2018 | 07:06


O pagamento da primeira parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) deve injetar R$ 750 milhões na economia da região. A estimativa é da Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas do Grande ABC. Embora o pagamento comece a ser feito no dia 27, a partir de hoje já é possível consultar o valor.

A consulta poderá ser feita pelo site meu.inss.gov.br ou pelo aplicativo Meu INSS, a partir da opção ‘Histórico de Crédito de Benefício’.

Como a folha de pagamento começa a ser processada a partir de hoje, a liberação da consulta dos valores, assim como do pagamento do benefício, será feita de forma gradual aos segurados.

Segundo o diretor de políticas públicas da Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas do Grande ABC, Luís Antônio Ferreira Rodrigues, o volume de R$ 750 milhões – que totaliza R$ 1,5 bilhão – está maior neste ano porque houve aumento no número de aposentados, apesar de os valores dos benefícios serem menores. “Isso se deu por conta da corrida para dar entrada no benefício antes da reforma previdenciária. Muitas pessoas sabiam que estavam perdendo dinheiro e pegando aposentadorias menores, mas, por ter medo de ocorrer alguma mudança, preferiram garantir o benefício”, explicou.

Desde 2006 o governo antecipa o pagamento de metade do 13º salário. Somente em 2015, devido ao agravamento da crise econômica, o depósito foi feito em setembro.

Quem ganha benefício de até um salário mínimo terá o dinheiro depositado na conta entre o dia 27 e 10 de setembro, conforme o cronograma de pagamento dos valores mensais. Quem ganha acima do mínimo recebe entre 3 e 10 de setembro.

A primeira parcela da gratificação natalina equivale à metade do valor do benefício. A segunda, que será depositada a partir do fim de novembro, possui o desconto do IR (Imposto de Renda).

De acordo com Rodrigues, o dinheiro deverá ser utilizado, em sua maioria, para pagar dívidas. “A maior parte deve aproveitar para quitar empréstimos, para conseguir fazer outra dívida. Hoje, muitas famílias dependem desta renda”, garantiu.

(Colaborou Soraia Abreu Pedrozo)
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;