Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Diferentes, Netuno e Azulão fazem clássico

Nario Barbosa/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Times, que tiveram resultados distintos na primeira rodada, duelam às 15h, no Estádio do Inamar


João Victor Romoli
Especial para o Diário

08/08/2018 | 07:00


Os torcedores do Grande ABC terão nesta quarta-feira a oportunidade de desfrutar o segundo clássico regional em menos de uma semana pela Copa Paulista. Isso porque três dias depois de ser superado por 3 a 0 pelo Santo André no Bruno Daniel, o elenco sonhador do Água Santa encara o confiante e favorito São Caetano, às 15h, no Estádio do Inamar. As equipes, que se enfrentarão pela primeira vez no ano, chegam para a partida com sentimentos distintos.

O Netuno perdeu um clássico justamente na estreia, fato que preocupa a comissão técnica. Já o Azulão fez valer o investimento – venceu o Bragantino também por 3 a 0 –, provando que o rótulo de favorito não foi mal colocado.

Concordando com o posto do adversário, o técnico do Água Santa, Antônio Carlos Papel, preferiu pregar cautela em relação à postura do time na partida. “Perdemos na estreia, mas estou confiante em bom resultado diante do favorito São Caetano. Temos de colocar em campo a experiência da última partida amanhã (hoje). Precisamos ter cautela e também estratégia”, disse.

Do outro lado, Pintado ressaltou a dificuldade de jogar fora de casa e enalteceu a seriedade do Azulão.

“Tenho um grupo de profissionais competentes, que sabe o que está fazendo. Contra o Água Santa será um jogo difícil, porque vamos atuar como visitante. É uma equipe (Netuno) jovem. Vai lutar bastante. Temos de saber jogar e não oferecer nenhuma vantagem a eles”, falou o técnico, que manterá os titulares da última partida. As novidades são as presenças de Luiz Felipe (lateral) e Cristian (volante) no banco de reservas.

Nos confrontos diretos o São Caetano leva vantagem com três vitórias e uma derrota, além de dois empates. O último embate, que terminou em 1 a 1, foi justamente pela Copa Paulista, em 2017.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diferentes, Netuno e Azulão fazem clássico

Times, que tiveram resultados distintos na primeira rodada, duelam às 15h, no Estádio do Inamar

João Victor Romoli
Especial para o Diário

08/08/2018 | 07:00


Os torcedores do Grande ABC terão nesta quarta-feira a oportunidade de desfrutar o segundo clássico regional em menos de uma semana pela Copa Paulista. Isso porque três dias depois de ser superado por 3 a 0 pelo Santo André no Bruno Daniel, o elenco sonhador do Água Santa encara o confiante e favorito São Caetano, às 15h, no Estádio do Inamar. As equipes, que se enfrentarão pela primeira vez no ano, chegam para a partida com sentimentos distintos.

O Netuno perdeu um clássico justamente na estreia, fato que preocupa a comissão técnica. Já o Azulão fez valer o investimento – venceu o Bragantino também por 3 a 0 –, provando que o rótulo de favorito não foi mal colocado.

Concordando com o posto do adversário, o técnico do Água Santa, Antônio Carlos Papel, preferiu pregar cautela em relação à postura do time na partida. “Perdemos na estreia, mas estou confiante em bom resultado diante do favorito São Caetano. Temos de colocar em campo a experiência da última partida amanhã (hoje). Precisamos ter cautela e também estratégia”, disse.

Do outro lado, Pintado ressaltou a dificuldade de jogar fora de casa e enalteceu a seriedade do Azulão.

“Tenho um grupo de profissionais competentes, que sabe o que está fazendo. Contra o Água Santa será um jogo difícil, porque vamos atuar como visitante. É uma equipe (Netuno) jovem. Vai lutar bastante. Temos de saber jogar e não oferecer nenhuma vantagem a eles”, falou o técnico, que manterá os titulares da última partida. As novidades são as presenças de Luiz Felipe (lateral) e Cristian (volante) no banco de reservas.

Nos confrontos diretos o São Caetano leva vantagem com três vitórias e uma derrota, além de dois empates. O último embate, que terminou em 1 a 1, foi justamente pela Copa Paulista, em 2017.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;