Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 18 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Seis dias após suposta overdose, Demi Lovato ainda está internada com complicações

Reprodução/Instagram  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Artista ainda sofre com febre alta e enjoo; não há previsão de quando ela poderá ir para clínica



31/07/2018 | 08:11


Demi Lovato ainda está longe de se recuperar da suposta overdose que sofreu há seis dias. De acordo com o TMZ, a cantora ainda não pensa em falar sobre a reabilitação, já que continua internada com algumas complicações em um hospital de Los Angeles.

A beldade ainda sofre com febre alta, enjoo e outras complicações. Por isso, não há previsão de quando ela poderá sair da internação para seguir rumo à clínica de reabilitação. Fontes informaram que pessoas próximas à Demi não sabem como ela irá reagir ao fato de que terá que se reabilitar antes de retomar sua vida normalmente.

- Nós simplesmente não sabemos onde está sua cabeça no momento, afirmou o informante.

De acordo com a People, familiares e amigos de Demi pensam que antes de mais nada é preciso que ela esteja fisicamente estável, no entanto, após um fim de semana em que passou bem no hospital, a cantora teve uma recaída e voltou a preocupar.

- Ela voltou a ficar com febre e mostrou sinais de infecção. Ela está atualmente sendo tratada dos problemas que são muito comuns após uma overdose de drogas. Ela precisará ficar no hospital por mais alguns dias, mas espera-se uma recuperação completa. Ela tem sua família e Wilmer ao seu lado todos os dias. Todos só querem ajudar a levá-la a um lugar saudável, finalizou outra fonte.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Seis dias após suposta overdose, Demi Lovato ainda está internada com complicações

Artista ainda sofre com febre alta e enjoo; não há previsão de quando ela poderá ir para clínica


31/07/2018 | 08:11


Demi Lovato ainda está longe de se recuperar da suposta overdose que sofreu há seis dias. De acordo com o TMZ, a cantora ainda não pensa em falar sobre a reabilitação, já que continua internada com algumas complicações em um hospital de Los Angeles.

A beldade ainda sofre com febre alta, enjoo e outras complicações. Por isso, não há previsão de quando ela poderá sair da internação para seguir rumo à clínica de reabilitação. Fontes informaram que pessoas próximas à Demi não sabem como ela irá reagir ao fato de que terá que se reabilitar antes de retomar sua vida normalmente.

- Nós simplesmente não sabemos onde está sua cabeça no momento, afirmou o informante.

De acordo com a People, familiares e amigos de Demi pensam que antes de mais nada é preciso que ela esteja fisicamente estável, no entanto, após um fim de semana em que passou bem no hospital, a cantora teve uma recaída e voltou a preocupar.

- Ela voltou a ficar com febre e mostrou sinais de infecção. Ela está atualmente sendo tratada dos problemas que são muito comuns após uma overdose de drogas. Ela precisará ficar no hospital por mais alguns dias, mas espera-se uma recuperação completa. Ela tem sua família e Wilmer ao seu lado todos os dias. Todos só querem ajudar a levá-la a um lugar saudável, finalizou outra fonte.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;