Fechar
Publicidade

Domingo, 18 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Vendas de eletrodomésticos
e eletrônicos crescem 14,6%

Arquivo/Diário do Grande ABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


23/07/2018 | 19:29


A indústria nacional de eletrodomésticos e eletroeletrônicos fechou o primeiro semestre do ano com crescimento de 14,6% sobre as vendas do período de 2017, conforme balanço da Eletros, entidade que representa 30 empresas do setor.

O destaque no período foram as vendas de TVs, que, impulsionadas pela demanda gerada pela Copa, tiveram alta de 30%. No total, 6,59 milhões de aparelhos de televisão foram comercializados nos seis primeiros meses do ano.

Na linha de equipamentos portáteis, houve alta de 13% nas vendas, enquanto que no mercado de linha branca, onde estão inseridos produtos como geladeiras e micro-ondas, o crescimento foi menor: 2,75%.

Para o ano, a expectativa da entidade é de vendas entre 10% e 15% maiores do que as de 2017. A indústria de eletrodomésticos e eletroeletrônicos responde, segundo a Eletros, por 3,34% do Produto Interno Bruto (PIB) da indústria.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vendas de eletrodomésticos
e eletrônicos crescem 14,6%


23/07/2018 | 19:29


A indústria nacional de eletrodomésticos e eletroeletrônicos fechou o primeiro semestre do ano com crescimento de 14,6% sobre as vendas do período de 2017, conforme balanço da Eletros, entidade que representa 30 empresas do setor.

O destaque no período foram as vendas de TVs, que, impulsionadas pela demanda gerada pela Copa, tiveram alta de 30%. No total, 6,59 milhões de aparelhos de televisão foram comercializados nos seis primeiros meses do ano.

Na linha de equipamentos portáteis, houve alta de 13% nas vendas, enquanto que no mercado de linha branca, onde estão inseridos produtos como geladeiras e micro-ondas, o crescimento foi menor: 2,75%.

Para o ano, a expectativa da entidade é de vendas entre 10% e 15% maiores do que as de 2017. A indústria de eletrodomésticos e eletroeletrônicos responde, segundo a Eletros, por 3,34% do Produto Interno Bruto (PIB) da indústria.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;