Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Presidente do Atlético-MG xinga árbitro de 'vagabundo' e diz: 'CBF é um lixo'



23/07/2018 | 09:05


O presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, ficou indignado com a arbitragem após a derrota do time mineiro para o Palmeiras por 3 a 2 no domingo, no Allianz Parque, em São Paulo, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Pelo Twitter, o dirigente xingou o árbitro Péricles Bassols e também criticou a principal entidade do futebol brasileiro."Vagabundo, ladrão e mal intencionado. Essa CBF é um lixo. Fora com essa ''comissão de arbitragem'' pelo bem do futebol brasileiro", escreveu na rede social.

O motivo de tamanha indignação foi especialmente o lance que decretou a vitória do Palmeiras, aos 49 minutos do segundo tempo. Em uma disputa de bola no meio-campo, o atacante Ricardo Oliveira ganhou a jogada de Edu Dracena. Péricles Bassols marcou falta. O time alviverde deu a saída rápido e marcou o terceiro gol.

Na saída do gramado, Ricardo Oliveira também comentou a jogada. "Não foi falta. Asseguro que não foi falta. Estava protegendo a bola, que estava em disputa. Ele vem, bate e cai. Que critério é esse? Sempre aqui. O Edu Dracena caiu sozinho", reclamou.

A derrota mandou o Atlético-MG para a quarta colocação, com 23 pontos. O time mineiro volta a campo nesta quarta-feira, às 21 horas, quando enfrentará o Paraná Clube, no estádio Independência, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidente do Atlético-MG xinga árbitro de 'vagabundo' e diz: 'CBF é um lixo'


23/07/2018 | 09:05


O presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, ficou indignado com a arbitragem após a derrota do time mineiro para o Palmeiras por 3 a 2 no domingo, no Allianz Parque, em São Paulo, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Pelo Twitter, o dirigente xingou o árbitro Péricles Bassols e também criticou a principal entidade do futebol brasileiro."Vagabundo, ladrão e mal intencionado. Essa CBF é um lixo. Fora com essa ''comissão de arbitragem'' pelo bem do futebol brasileiro", escreveu na rede social.

O motivo de tamanha indignação foi especialmente o lance que decretou a vitória do Palmeiras, aos 49 minutos do segundo tempo. Em uma disputa de bola no meio-campo, o atacante Ricardo Oliveira ganhou a jogada de Edu Dracena. Péricles Bassols marcou falta. O time alviverde deu a saída rápido e marcou o terceiro gol.

Na saída do gramado, Ricardo Oliveira também comentou a jogada. "Não foi falta. Asseguro que não foi falta. Estava protegendo a bola, que estava em disputa. Ele vem, bate e cai. Que critério é esse? Sempre aqui. O Edu Dracena caiu sozinho", reclamou.

A derrota mandou o Atlético-MG para a quarta colocação, com 23 pontos. O time mineiro volta a campo nesta quarta-feira, às 21 horas, quando enfrentará o Paraná Clube, no estádio Independência, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;