Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Belgas e ingleses jogam por prêmio de consolação

Gerações de futuro promissor se reencontram para levar boas lembranças da Copa do Mundo


Dérek Bittencourt

14/07/2018 | 07:00


De possível final de Copa do Mundo para um confronto que valerá apenas um prêmio de consolação para duas gerações que ainda prometem muito. Às 11h deste sábado, em São Petersburgo, Bélgica e Inglaterra medem forças pelo terceiro lugar do Mundial da Rússia.

Será reencontro de seleções que dividiram o Grupo G. No primeiro duelo, pela terceira rodada da fase inicial, os belgas venceram por 1 a 0, gol de Januzaj, em Kaliningrado

Para o técnico inglês Gareth Southgate, é uma oportunidade para que sua seleção se vingue daquela partida e conquiste honroso lugar no pódio fictício da Copa. “Estamos muito motivados para ter uma grande performance e conquistar uma medalha, algo que só outro time da Inglaterra conquistou na história (quando foi campeã, em casa, em 1966). A Bélgica ganhou de nós antes, na fase de grupos, então queremos também devolver isso”, disse o comandante.

Já para o treinador da Bélgica, Roberto Martínez, é chance para levar uma “lembrança positiva” da Rússia. “No futebol a pior coisa para você carregar é o sentimento de derrota, então vamos trabalhar o máximo que pudermos para evitar isso. Nós ficamos na Rússia por mais de um mês, aproveitamos cada segundo aqui, mas nós queremos que a última lembrança seja positiva, e não dá para ter algo melhor que uma vitória em um último jogo”, destacou.

O confronto ainda tem duelo pela artilharia do torneio. O inglês Harry Kane, com seis gols, e o belga Lukaku, com quatro, disputam a liderança do prestigiado ranking.

A Inglaterra tem três dúvidas para a partida. O ala-direito Trippier sentiu dores na virilha e pode ser substituído por Alexander-Arnold. Já o zagueiro Walker e o volante Henderson estão com desgaste muscular e devem dar lugar a Cahill e Dier, respectivamente. Já a Bélgica vai a campo com a mesma escalação que venceu o Brasil, por 2 a 1, com a volta de Meunier após cumprir suspensão. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;