Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 24 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Holandês deixa favoritos para trás e vence 7ª etapa da Volta da França

Associated Press/Estadão Conteúdo Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


13/07/2018 | 14:44


O holandês Dylan Groenewegen surpreendeu nesta sexta-feira, deixou para trás o colombiano Fernando Gaviria e o sérvio Peter Sagan e venceu a sétima e mais longa etapa da Volta da França. A prova aconteceu entre as cidades de Fougères e Chartres, em um percurso de 231 quilômetros.

O belga Greg Van Avermaet terminou em 16º lugar e manteve a camiseta amarela, dada ao ciclista que possui menor tempo no somatório de todas as provas. Com a classificação, ele ainda abriu vantagem para o segundo colocado, o britânico Geraint Thomas, que terminou esta etapa em 24º. A distância entre eles agora é de seis segundos.

Na disputa desta sexta-feira, Gaviria e Sagan, que venceram duas etapas cada na atual edição, vinham se marcando durante todo o percurso. Foi quando Groenewegen surpreendeu na reta final e deixou ambos para trás, fechando a prova com o tempo de 5h43min42. O colombiano terminou em segundo lugar e o sérvio completou o pódio.

Sagan, no entanto, continua com a camiseta verde, dada ao piloto que somou mais pontos na classificação geral. Ele tem 234 pontos contra 203 de Gaviria. Groenewegen subiu para o quinto lugar, com 82.

O holandês obteve a segunda vitória em uma etapa da Volta da França. A outra aconteceu no ano passado na disputa que terminou na Champs Elysees, em Paris. "Nos primeiros dias minhas pernas não estavam boas o suficiente. Hoje deu tudo certo. Faltando 200 metros para o final, vi que abri vantagem e depois cruzei a linha de chegada em primeiro", comemorou.

Avermaet se mostrou surpreso em manter a camiseta amarela pela quinta etapa consecutiva. "Não esperava. Foi uma corrida que estava em aberto. Consegui dar o sprint no fim e ganhei alguns segundos. É pouco tempo de vantagem, mas qualquer segundo a mais é sempre bom, já que as próximas etapas nunca se sabe o que vai acontecer", afirmou o dono da camiseta mais cobiçada. A oitava etapa acontecerá neste sábado, no percurso entre as cidades de Dreux e Amiens, de um total de 181 quilômetros.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;