Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Rota 2030 auxilia na definição de investimentos

Claudinei Plaza/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Para Mercedes-Benz, programa garante veículos mais seguros para o consumidor


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

13/07/2018 | 07:00


Após o anúncio do Rota 2030 pelo governo federal no dia 6, o destaque do programa é a previsibilidade que ele traz aos investimentos da indústria automotiva. O Rota deve, inclusive, ajudar a manter a fábrica de Iracemápolis, no Interior, responsável pela produção dos automóveis de luxo da Mercedes-Benz. Consequentemente, esse impacto também deve se estender à unidade de São Bernardo, destinada à produção de ônibus e caminhões.

De acordo com o gerente sênior de vendas da Mercedes, Dirlei Dias, a fábrica no Interior, fruto do Inovar-Auto, é destinada à montagem de veículos para o mercado nacional, incluindo os modelos Classe C e GLA, que correspondem a 60% das vendas da marca.

“O Rota 2030 nos traz uma previsibilidade para a definição de investimentos, isso sem falar em um carro com mais itens de segurança para o consumidor. Também traz estímulo à P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) para a indústria nacional, a partir do qual será possível trabalhar conceitos mais amplos”, disse ele, que também destacou que a marca deve estudar a fabricação de mais veículos no País após o anúncio do programa.

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB) também destacou a iniciativa como positiva ao município, que concentra cinco montadoras. “Considero uma medida importante, mas que veio atrasada. Em alguns casos, o que não aconteceu em São Bernardo, mas poderia ter atrasado investimentos. Isso porque a indústria automobilística da cidade está presente no mundo inteiro e, quanto mais o governo retarda o anúncio de benefícios, mais longo é o processo para receber investimento.”

A Mercedes vendeu 6.033 automóveis no primeiro semestre, crescendo 9% em comparação com o mesmo período do ano passado. O número supera o comércio das concorrentes diretas e corresponde a 38,8% da fatia do mercado. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados