Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

População acompanha das ruas estreia da Seleção Brasileira

André Henriques/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Em Santo André, no Parque Jaçatuba, moradores fazem churrasco; Centro é tomado por rock


Vinícius Castelli

18/06/2018 | 07:00


 Apesar do empate por 1 a 1 contra a Suíça, foi o clima de festa que reinou na região ontem durante a estreia da Seleção Brasileira na Copa da Rússia. Muita gente não quis saber nem de sofá. Transformou a rua em sala de estar. O televisor improvisado na garagem de uma casa – depois de o telão não funcionar – fez a alegria dos moradores da Rua Arapuru, no Parque Jaçatuba, em Santo André.

Os vizinhos pensaram em tudo. Desde as cornetas amarelas e bandeirinhas para enfeitar, até o churrasco para matar a fome. Daniela Bassan, 34 anos, conta que há quatro anos a rua também foi fechada. “Tudo com autorização”, ressalta. “Todo mundo ajuda. Recolhemos dinheiro para fazer as pinturas”. Ela confessa gostar mais da bagunça da reunião com os vizinhos do que propriamente do futebol. Ainda assim, tem fé que chegaremos na final em disputa contra Portugal. “Gosto do Neymar e do Cristiano Ronaldo.”

E enquanto o churrasco assava, com menos de 20 minutos de partida, Coutinho marcou o único gol do Brasil na partida. O empate veio no comecinho do segundo tempo. Apaixonada por futebol, Joana Lucci, 58, tem esperança de ver o Brasil na final. “Já basta o fiasco contra a Alemanha na última competição, e Copa é Copa”, diz.

Não longe dali, no Centro, o Coletivo Rock ABC montou um palco na Rua Dona Elisa Fláquer para show de diversas bandas. Mas na hora do jogo, os olhares voltaram ao televisor que transmitia a partida.

Fabio Fioravanti, 40, um dos responsáveis pelo Coletivo, disse que a ideia de juntar música com a Copa é boa, pois faz a população ocupar as ruas. “Gosto de futebol e acho que a final vai dar Brasil e Irã. Será moleza”, brinca. Os presentes ainda contaram com comida do chef Bruno Wolf, ex-participante do reality do SBT BBQ Brasil. “Preparei um lanche argentino para o pessoal, o Choripan”, conta.

DA RÚSSIA
O advogado Cristiano Caús, 41 anos, de São Bernardo, assistiu no estádio, na Rússia, a estreia do Brasil na Copa do Mundo. Ele admite que o time não jogou bem, mas acredita na conquista do campeonato. “Copa do Mundo é isso aí. Temos de evoluir sempre até a final. Neymar vai melhorar jogo a jogo. Foi bom o empate para botar o salto no chão. Vamos lá, Brasil.”



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;