Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Argentina: Macri veta lei aprovada no Senado que freava aumento de tarifas

Associated Press Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


31/05/2018 | 14:45


O presidente da Argentina, Mauricio Macri, vetou nesta quinta-feira lei aprovada pela oposição no Senado que freava o aumento impopular de tarifas de gás, eletricidade e água, alegando que retroceder na medida criaria um problema fiscal. O chefe de gabinete do país, Marcos Peña, disse a repórteres que a lei aprovada na madrugada "já está vetada" porque "não respeita o mandato constitucional" por ter sido votada por um Parlamento que "não tem poder" para fixar tarifas.

O projeto de lei foi aprovado por 37 votos a 30. A maioria dos votos em apoio à iniciativa veio de senadores peronistas e apoiadores da senadora e ex-presidente Cristina Kirchner (2007-2015), uma das principais figuras da oposição a Macri.

Peña indicou que a regra teria criado um buraco fiscal para o Estado. "Equivale a todas as obras públicas no interior do país, a todo o sistema universitário da Argentina, ao dobro do abono universal por filho para proteger os setores mais vulneráveis, a todo o orçamento de segurança", disse ele. O chefe de gabinete indicou que o país enfrenta o desafio de se adaptar a uma complexa situação mundial e que a Argentina deve fazer os "esforços necessários" para aproximar seu orçamento do equilíbrio. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados