Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sem Carille, Timão busca manter embalo na Copa Libertadores

Reprodução/Instagram  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Equipe será comandada por Osmar Loss, que deve prosseguir até o fim da temporada; ex-técnico agradece pelos quase dez anos de clube


João Victor Romoli

24/05/2018 | 07:00


Com a classificação garantida às oitavas de final, o objetivo do Corinthians de terminar a fase de grupos da Libertadores na liderança da Chave 7 ficou em segundo plano. Isto porque o clube ainda tenta se recuperar da perda do técnico Fabio Carille, que irá para o Al- Wehda, da Arábia Saudita, e nem comandará o time hoje diante do Millonarios, da Colômbia, na Arena Corinthians, às 21h30.

O treinador, aliás, destacou ontem o reconhecimento por ter passado quase dez anos no clube. “Quero deixar minha gratidão à toda diretoria do Corinthians. Desde a primeira passagem, Mário Gobbi, Roberto de Andrade, Andrés Sanchez, nove anos e meio de uma história que considero linda. Minha gratidão eterna a esse clube e também para o xeique que acreditou em mim e não mediu esforços para que eu vá para o país e ajude a revolucionar esse clube; um projeto grandioso, por isso a escolha”, disse Carille em entrevista coletiva.

Com isso, Osmar Loss, efetivado no cargo, vai comandar o Timão na partida desta noite e será avaliado na parada para a Copa do Mundo.

Em campo, a equipe terá as voltas de Balbuena, Rodriguinho, Jadson e Romero, poupados domingo, no 1 a 1 diante do Sport, pelo Brasileirão. O goleiro Cássio e o lateral Fagner, que estão na Seleção, além do atacante Emerson Sheik, suspenso, são os desfalques.

Com dez pontos, o time depende de empate para confirmar a primeira posição, uma vez que o vice-líder Independente – que recebe o Deportivo Lara no mesmo horário – tem sete, contra seis dos venezuelanos. O Millonarios tem cinco, em último lugar. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sem Carille, Timão busca manter embalo na Copa Libertadores

Equipe será comandada por Osmar Loss, que deve prosseguir até o fim da temporada; ex-técnico agradece pelos quase dez anos de clube

João Victor Romoli

24/05/2018 | 07:00


Com a classificação garantida às oitavas de final, o objetivo do Corinthians de terminar a fase de grupos da Libertadores na liderança da Chave 7 ficou em segundo plano. Isto porque o clube ainda tenta se recuperar da perda do técnico Fabio Carille, que irá para o Al- Wehda, da Arábia Saudita, e nem comandará o time hoje diante do Millonarios, da Colômbia, na Arena Corinthians, às 21h30.

O treinador, aliás, destacou ontem o reconhecimento por ter passado quase dez anos no clube. “Quero deixar minha gratidão à toda diretoria do Corinthians. Desde a primeira passagem, Mário Gobbi, Roberto de Andrade, Andrés Sanchez, nove anos e meio de uma história que considero linda. Minha gratidão eterna a esse clube e também para o xeique que acreditou em mim e não mediu esforços para que eu vá para o país e ajude a revolucionar esse clube; um projeto grandioso, por isso a escolha”, disse Carille em entrevista coletiva.

Com isso, Osmar Loss, efetivado no cargo, vai comandar o Timão na partida desta noite e será avaliado na parada para a Copa do Mundo.

Em campo, a equipe terá as voltas de Balbuena, Rodriguinho, Jadson e Romero, poupados domingo, no 1 a 1 diante do Sport, pelo Brasileirão. O goleiro Cássio e o lateral Fagner, que estão na Seleção, além do atacante Emerson Sheik, suspenso, são os desfalques.

Com dez pontos, o time depende de empate para confirmar a primeira posição, uma vez que o vice-líder Independente – que recebe o Deportivo Lara no mesmo horário – tem sete, contra seis dos venezuelanos. O Millonarios tem cinco, em último lugar. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;