Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Das aulas ao mundo literário

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Em parceria com ex-aluna, professora de Língua Portuguesa lança livro dia 17, em Mauá


Daniela Pegoraro
Especial para o Diário

12/05/2018 | 07:00


Movida pela paixão literária, a professora de Língua Portuguesa Priscila Debly de Queiróz Tavares escrevia histórias, contos e poemas para seus alunos. Foi levando textos de sua criação para as salas de aula que seu primeiro livro, Espelho… Espelho Meu! Qual Será o Meu Destino? (Editora Uirapuru, 112 páginas, R$ 35, em média), ganhou forma. Escrita em parceria com Amanda de Araújo, que já foi sua aluna, a obra tem lançamento dia 17, às 19h, na EE Therezinha Sartori, em Mauá, escola onde Priscila também leciona.

A obra juvenil trata da personagem Anabelle, que passa pelos dilemas habituais de qualquer jovem. Entre os descritos nas páginas do livro, estão as questões da autoestima, mudanças no corpo, paixões e solidão na vida urbana, visto que a história se passa na cidade de São Paulo. “Questionar o papel da mulher também é uma parte importantíssima do livro, a fim de ensinar mais sobre igualdade aos leitores”, conta Priscila. Justamente por tratar do universo jovem que a escritora procurou coautoria com sua ex-aluna, hoje com 18 anos. “Já tinha escrito a metade do livro, mas precisava do ponto de vista de uma jovem na história”, relembra.

Escrita em 2015, a obra foi vencedora do concurso literário da editora Uirapuru, na categoria juvenil. A professora adianta que esta é só a primeira de outras que estão para vir, já que a publicação faz parte de uma trilogia e, o segundo, já está em andamento.
Além de imortalizar seu texto agora no livro, Priscila também fomenta leitura e escrita em adolescentes por meio de oficinas criativas. “Temos que mostrar para os alunos que eles podem ler o que desejam, não só os clássicos. Apresentar que também é possível escrever e que o universo do autor não é tão distante e diferente da realidade daquele jovem.” O objetivo, acrescenta, é fazer com o que o estudante se torne autor de sua própria obra. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Das aulas ao mundo literário

Em parceria com ex-aluna, professora de Língua Portuguesa lança livro dia 17, em Mauá

Daniela Pegoraro
Especial para o Diário

12/05/2018 | 07:00


Movida pela paixão literária, a professora de Língua Portuguesa Priscila Debly de Queiróz Tavares escrevia histórias, contos e poemas para seus alunos. Foi levando textos de sua criação para as salas de aula que seu primeiro livro, Espelho… Espelho Meu! Qual Será o Meu Destino? (Editora Uirapuru, 112 páginas, R$ 35, em média), ganhou forma. Escrita em parceria com Amanda de Araújo, que já foi sua aluna, a obra tem lançamento dia 17, às 19h, na EE Therezinha Sartori, em Mauá, escola onde Priscila também leciona.

A obra juvenil trata da personagem Anabelle, que passa pelos dilemas habituais de qualquer jovem. Entre os descritos nas páginas do livro, estão as questões da autoestima, mudanças no corpo, paixões e solidão na vida urbana, visto que a história se passa na cidade de São Paulo. “Questionar o papel da mulher também é uma parte importantíssima do livro, a fim de ensinar mais sobre igualdade aos leitores”, conta Priscila. Justamente por tratar do universo jovem que a escritora procurou coautoria com sua ex-aluna, hoje com 18 anos. “Já tinha escrito a metade do livro, mas precisava do ponto de vista de uma jovem na história”, relembra.

Escrita em 2015, a obra foi vencedora do concurso literário da editora Uirapuru, na categoria juvenil. A professora adianta que esta é só a primeira de outras que estão para vir, já que a publicação faz parte de uma trilogia e, o segundo, já está em andamento.
Além de imortalizar seu texto agora no livro, Priscila também fomenta leitura e escrita em adolescentes por meio de oficinas criativas. “Temos que mostrar para os alunos que eles podem ler o que desejam, não só os clássicos. Apresentar que também é possível escrever e que o universo do autor não é tão distante e diferente da realidade daquele jovem.” O objetivo, acrescenta, é fazer com o que o estudante se torne autor de sua própria obra. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;