Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

MIS promove mostra de cinema mexicano

Com entrada gratuita, evento vai debater a qualidade da era do ‘Cine de Oro’


Miriam Gimenes

02/05/2018 | 07:00


 Houve um tempo na história do cinema mexicano, mais precisamente entre as décadas de 1930 e 1950, que as produções dominaram o mercado latino-americano de fala espanhola. Foi a chamada Cine de Oro, que será discutida, a partir de amanhã, no MIS (Museu da Imagem e do Som), em São Paulo.

É que até o dia 5, o espaço promoverá mostra com quatro longas mexicanos, ícones desta época – que reproduziram o padrão de acabamento dos filmes de Hollywood –, e um debate, tudo com entrada gratuita. Amanhã, por exemplo, a partir das 19h30, será exibido Enamorada (1946), dirigido por Emilio Fernández. Na sexta-feira, a partir das 19h, será a vez de Macario (1959) e, no sábado, serão duas apresentações: Na Palma de Tua Mão (1951), às 14h, e Santa Entre Demônios (1948), às 17h.

Neste meio-tempo, às 16h, será feita a mesa de debates com dois especialistas neste cinema, Adriana Barbosa e Danilo Cymrot. Também são apresentados históricos e observações sobre os filmes exibidos na mostra. O MIS fica na Avenida Europa, 158, e os ingressos serão distribuídos na recepção do museu, uma hora antes do início de cada sessão.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

MIS promove mostra de cinema mexicano

Com entrada gratuita, evento vai debater a qualidade da era do ‘Cine de Oro’

Miriam Gimenes

02/05/2018 | 07:00


 Houve um tempo na história do cinema mexicano, mais precisamente entre as décadas de 1930 e 1950, que as produções dominaram o mercado latino-americano de fala espanhola. Foi a chamada Cine de Oro, que será discutida, a partir de amanhã, no MIS (Museu da Imagem e do Som), em São Paulo.

É que até o dia 5, o espaço promoverá mostra com quatro longas mexicanos, ícones desta época – que reproduziram o padrão de acabamento dos filmes de Hollywood –, e um debate, tudo com entrada gratuita. Amanhã, por exemplo, a partir das 19h30, será exibido Enamorada (1946), dirigido por Emilio Fernández. Na sexta-feira, a partir das 19h, será a vez de Macario (1959) e, no sábado, serão duas apresentações: Na Palma de Tua Mão (1951), às 14h, e Santa Entre Demônios (1948), às 17h.

Neste meio-tempo, às 16h, será feita a mesa de debates com dois especialistas neste cinema, Adriana Barbosa e Danilo Cymrot. Também são apresentados históricos e observações sobre os filmes exibidos na mostra. O MIS fica na Avenida Europa, 158, e os ingressos serão distribuídos na recepção do museu, uma hora antes do início de cada sessão.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;