Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 11 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Caetano joga por vaga

Time precisa derrotar o Bauru, em casa, e ainda torcer por revés do Pinheiros contra o Brasília


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

02/03/2018 | 07:00


O São Cristóvão Saúde/São Caetano joga hoje as últimas fichas na luta pela classificação entre os oito primeiros colocados que avançam aos play-offs de quartas de final da Superliga Feminina de Vôlei. O time pega o Bauru, às 21h30, no Ginásio Milton Feijão, e precisa vencer por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1, além de torcer por derrota do EC Pinheiros para o Brasília, que se enfrentam no mesmo horário, pelos mesmos placares.
Após 21 rodadas, o São Caetano é o nono, com nove vitórias e soma 25 pontos, três a menos que o Pinheiros. Caso vença e o time da Capital perca, as equipes ficariam empatadas, mas a da região levaria vantagem nos critérios de desempate.

“Sabemos que será outro jogo bastante duro, como o do primeiro turno, quando vencemos por 3 sets a 2 jogando em Bauru. Agora, em casa, precisamos do resultado e vamos lutar até o fim. Depois vamos torcer pelo resultado do Brasília (diante do EC Pinheiros)”, comentou a oposta Sabrina.

O Bauru está garantido nos play-offs, mas ainda luta pela sétima posição para fugir do confronto contra o líder Praia Clube, que venceu 20 dos 21 jogos que disputou. Com 29 pontos o time pode ser ultrapassado justamente pelo Pinheiros.

A principal jogadora do Bauru é também dona da maior polêmica da competição. Tifanny Abreu é a primeira transexual a atuar na competição e seus números impressionam. Ela chegou a marcar 39 pontos no jogo contra o Praia Clube e bateu o recorde da competição.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano joga por vaga

Time precisa derrotar o Bauru, em casa, e ainda torcer por revés do Pinheiros contra o Brasília

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

02/03/2018 | 07:00


O São Cristóvão Saúde/São Caetano joga hoje as últimas fichas na luta pela classificação entre os oito primeiros colocados que avançam aos play-offs de quartas de final da Superliga Feminina de Vôlei. O time pega o Bauru, às 21h30, no Ginásio Milton Feijão, e precisa vencer por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1, além de torcer por derrota do EC Pinheiros para o Brasília, que se enfrentam no mesmo horário, pelos mesmos placares.
Após 21 rodadas, o São Caetano é o nono, com nove vitórias e soma 25 pontos, três a menos que o Pinheiros. Caso vença e o time da Capital perca, as equipes ficariam empatadas, mas a da região levaria vantagem nos critérios de desempate.

“Sabemos que será outro jogo bastante duro, como o do primeiro turno, quando vencemos por 3 sets a 2 jogando em Bauru. Agora, em casa, precisamos do resultado e vamos lutar até o fim. Depois vamos torcer pelo resultado do Brasília (diante do EC Pinheiros)”, comentou a oposta Sabrina.

O Bauru está garantido nos play-offs, mas ainda luta pela sétima posição para fugir do confronto contra o líder Praia Clube, que venceu 20 dos 21 jogos que disputou. Com 29 pontos o time pode ser ultrapassado justamente pelo Pinheiros.

A principal jogadora do Bauru é também dona da maior polêmica da competição. Tifanny Abreu é a primeira transexual a atuar na competição e seus números impressionam. Ela chegou a marcar 39 pontos no jogo contra o Praia Clube e bateu o recorde da competição.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;