Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Fabrício Carvalho será o maior reforço do Azulão


Anderson Rodrigues
Do Diário do Grande ABC

05/04/2005 | 13:31


Estevam Soares espera por cinco reforços para disputar o Campeonato Brasileiro, que tem início no dia 23 deste mês. Mas o número 1 da lista já pertence ao São Caetano: Fabrício Carvalho, 26 anos, afastado preventivamente desde o dia 15 de janeiro por uma arritmia cardíaca – um descompasso nos batimentos do coração. Enquanto o atacante aguarda silenciosamente em Andradina (680 quilômetros da capital) o momento certo para refazer os exames no Hospital do Coração, o técnico do Azulão não abdica de seu futebol. Afinal, ele foi o artilheiro da equipe em 2004, com 18 gols.

“A expectativa é muito grande pelo seu retorno. Primeiro, por ele mesmo. Espero que os exames mostrem que ele não tenha nada. Estamos torcendo pelo ser humano Fabrício Carvalho. Em segundo lugar, queremos seu retorno por ser um jogador diferenciado, que vai nos ajudar muito no Brasileiro”, afirmou Estevam, que faz uma ressalva. “Como ele ficará 90 dias parado, precisará de outros 30 para entrar no ritmo dos companheiros.”

O último exame cardiológico em Fabrício Carvalho foi realizado no dia 10 de fevereiro, quando foi constatada a arritmia. A equipe médica responsável pelo acompanhamento do jogador, do Hospital do Coração, estipulou um prazo de três meses para retomar os exames. “Acreditamos que essa arritmia foi provocada por um processo inflamatório. Teria sido detectada numa fase ativa do jogador. Por isso é que indicamos repouso por três meses para refazer os exames e ver se a inflação desaparece”, explica César Augusto Jardim, cardiologista do Hospital do Coração que acompanha o atleta.

O médico afirma que a chance do jogador voltar aos gramados é boa. “Se a inflamação desaparecer, ele estará liberado para jogar futebol. Mas não posso afirmar nada antes desses novos exames. A única certeza é que o problema não é congênito (não nasceu com ele). Pode ser algo transitório. E, se for, poderá voltar ao trabalho normalmente”, garante.

Ainda não há uma data exata para a realização do exame, mas deve ser dentro da primeira quinzena de maio. Se tudo ocorrer como o planejado e o atacante for liberado, Estevam Soares não admite uma negociação. “O São Caetano não tem interesse em vender o jogador. Pelo contrário, o pensamento da diretoria é contratar. Precisamos de reforços e não podemos perder mais jogadores”, avisa o técnico.

Fabrício Carvalho foi procurado segunda-feira pela reportagem do Diário, mas preferiu manter o silêncio. Enquanto espera pelo retorno do jogador, Estevam busca o equilíbrio dentro do Campeonato Paulista, que ainda não terminou para o São Caetano. Com 29 pontos, a equipe subiu da quinta para a quarta posição após a vitória por 2 a 1 sobre o União Barbarense. Sem nenhum compromisso neste meio de semana, o elenco teve folga domingo e segunda-feira e volta aos trabalhos nesta terça-feira no Anacleto Campanella. O próximo jogo está marcado para domingo, em casa, contra o Mogi Mirim.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;