Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Após controvérsia sobre salário mais alto, Mark Wahlberg doa dinheiro para campanha contra assédio



14/01/2018 | 14:11


Em meio a tantos relatos de assédio sexual, Hollywood ainda sofre com a diferença salarial entre atores e atrizes. O caso mais recente envolve Mark Wahlberg e Michelle Williams, que estrelam juntos Todo o Dinheiro do Mundo, filme o qual Christopher Plummer foi escalado para substituir Kevin Spacey.

Relatos recentes indicam que Mark recebeu salário mil vezes maior do que o de Michelle por causa das refilmagens, o que logo recebeu uma explicação por parte do diretor do longa. Após a repercussão negativa do caso, o ator resolveu doar um milhão e 500 mil dólares, ou seja, quatro milhões e 800 mil reais para o Time’s Up Legal Defense Fund, movimento que combate o assédio em Hollywood e que ganhou ainda mais força durante a exibição do Globo de Ouro desse ano.

De acordo com a People, Mark divulgou o seguinte comunicado para explicar a doação:

Nos últimos dias minha taxa de refilmagem para Todo o Dinheiro do Mundo se tornou um tópico importante de conversação. Eu luto 100% pelo salário justo e estou doando um milhão e 500 mil reais para o Time’s Up Legal Defense Fund em nome de Michelle Williams.

A agência de Mark, William Morris Endeavor, também doou 500 mil dólares, valor em torno de um milhão e 600 mil reais.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;