Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

A terra da Itália em Riacho Grande

Há toda uma tradição vinda da Itália a embalar os sonhos e a religiosidade de antigos são-bernardenses


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

14/09/2009 | 00:00


Há toda uma tradição vinda da Itália a embalar os sonhos e a religiosidade de antigos são-bernardenses: a terra extraída do cemitério que fica atrás da igreja de San Bartolomeo, em Chiozza. Depositada em urna e trazida ao Brasil pelo padre Fiorente Elena, a terra é abençoada todo ano na festa que São Bernardo realiza em torno da capela de São Bartolomeu, no Parque Municipal, o Estoril de Riacho Grande.

As bênçãos deste ano foram feitas pelo padre Ervinio Luiz Vivian, vigário paroquial da Boa Viagem, em São Bernardo.

Padre Fiorente e os fundadores da capela e da festa de São Bartolomeu ficariam felizes em observar que o costume plantado há mais de meio século é mantido pelas novas gerações. Como o foi no último domingo de agosto. É como comenta um dos organizadores da festa, Adalberto José Guazzelli.

A festa é tipicamente italiana, com vinho, comida, cantos nostálgicos, muita conversa e orações. Também é uma forma de união entre os batateiros (moradores de São Bernardo) e os ceboleiros (habitantes de Santo André). Se ontem eram rivais na política municipal e no futebol, hoje há conjugação de etnias entre andreenses e bernardenses. E a Festa de São Bartolomeu é o ponto de união também para rezar. E festejar.

Aqui estão as fotos. Levam a assinatura de Maurício Ercolin. Ano após ano, ele faz a cobertura da festa. Os instantâneos são expostos na festa do ano seguinte, às margens da Represa Billings.

Adalberto, Maurício, Bruno Guazzelli e tantos outros são os cooperadores da promoção. Quase todos, anônimos. Dão do seu tempo, trabalho e incentivo para manter velhas tradições num culto aos antepassados.

DIÁRIO HÁ 30 ANOS
Sexta-feira, 14 de setembro de 1979

Manchete - Capital vive seis horas de violência: greve parcial de bancários degenera em quebra-quebra

Meio ambiente - Trechos da Via Anchieta, no Km 35, foram tomados ontem por blocos de espumas provenientes da poluição do Canal Summit.

Política - Prefeitos do Grande ABC não aceitam mudança da Capital para o Interior.

Sistema viário - Dersa iniciou a construção de uma ligação entre Anchieta e Imigrantes, com viaduto no Km 20 da Anchieta: a obra não ficou pronta até hoje.

São Caetano - Prefeitura reformará Emei de Vila Gerty.

Música - O canto urbano de Guilherme Arantes.

Polícia - Decretada prisão preventiva: policiais homicidas são denunciados.

EM 14 DE SETEMBRO DE...

1969 - Antonio Petrin dirige o Teatro da Cidade em O Noviço, de Martins Pena, no Auditório Municipal de São Caetano. Elenco: Josmar Martins, Luzia Carmela, Walter Vieira, Márcia Vezzá, Marilu Teixeira, Ciro Luiz, Manuel Andrade, Ademir Rosa, José Maria de Medeiros e Osley Delamo. Cenografia e figurinos: Joaquim Marques; iluminação: José Dulcini.

1974 - Inaugurado pelo governador Laudo Natel o primeiro trecho da linha Norte-Sul do Metrô de São Paulo, entre Jabaquara e Vila Mariana.

HOJE

Dia do Frevo.

SANTOS DO DIA

Cereal, Materno, Noteburga, Rósula e Salúsia.
Materno viveu no século 4. Foi bispo de Trèves.
Igreja celebra hoje a festa da Exaltação da Santa Cruz. A festa se liga à dedicação de duas basílicas construídas em Jerusalém. Uma das construções foi erigida no lugar em que Jesus Cristo foi sepultado.

ALMANAQUE

Armando Gimenez
Nascimento: São Paulo (SP), 14 de setembro de 1930.
Vereador: 1960 a 1961.
Partido: PRP.

Irmão do prefeito Osvaldo Gimenez, eleito no mesmo período e cassado no principal acontecimento político do período.

O prefeito Osvaldo Gimenez inovou politicamente. Como candidato, soube usar os meios de comunicação da época, em especial o rádio. Fez uma campanha claramente populista, movimentou as massas e venceu as eleições, derrotando a elite política local. Recebendo várias acusações - simplórias, se comparadas com as atuais -, acabou sendo cassado.

MUNICÍPIO PAULISTA

Presidente Prudente, fundado em 14 de setembro de 1917 e emancipado em 1921, quando se separa de Santa Cruz do Rio Pardo. Dele se originaram municípios como Santo Anastácio, Presidente Wenceslau, Regente Feijó, Presidente Bernardes e Álvares Machado.

Temos no Grande ABC muitos moradores que vieram de Prudente, entre os quais o casal Octavio Gonçalves de Oliveira Júnior e Neide Aparecida di Pieri Oliveira, do 1º Cartório de Ofícios de São Bernardo, e a jornalista Paula Nauhardt, da Scania.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;