Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Gi Group dispõe de 20 chances para trainees atuarem em escuderia

Empresa italiana Toro Rosso quer engenheiros recém-formados


Da Redação

24/07/2017 | 07:27


A Gi Group, multinacional italiana de RH que possui filial em São Bernardo, está capitaneando processo de contratação de trainees interessados em trabalhar em uma equipe técnica de Fórmula 1, a escuderia Toro Rosso.

Ao todo, existem 20 vagas para serem preenchidas por jovens do mundo todo. A Gi Group e a Toro Rosso estão selecionando estudantes e graduados em engenharia para participar do projeto Gi Lab – Formula Future, um programa de treinamento que visa capacitar novos talentos para trabalhar nas áreas técnica e industrial na fábrica em Faenza, na Itália.

O Gi Lab é destinado aos estudantes e graduados nos cursos de engenharia mecânica, automotiva e aeroespacial. Os cursos proporcionarão especialização técnica nas áreas de produção, eletrônica e eletrotécnica, design mecânico/composto, P&D (Pesquisa e Desenvolvimento), dinâmica de fluidos computacional, desempenho de veículos, gerenciamento de material composto, gestão de projetos, planejamento de produção e compras.

TREINAMENTO - Os participantes receberão treinamento baseado no conceito learning by doing, que combina lições teóricas com as atividades práticas.

O programa tem duração de seis meses, com chance de prorrogação por mais seis meses.

De acordo com a Gi Group, a escuderia Toro Rosso oferece remuneração compatível com a média de mercado. É importante ressaltar, no entanto, que os custos de deslocamento e moradia ficam por conta dos profissionais selecionados.

REQUISITOS - Além do curso superior completo, os candidatos devem ter bom conhecimento de inglês, domínio de informática (especialmente de pacote Office e CAD no caso de atividades na área de design), capacidade de trabalhar em equipe e em ambiente dinâmico, ser pró-ativo, flexível e ter paixão por automobilismo e carros de competição. Experiência na área também é desejável, mas não obrigatória.

PÓS-TRAINEE - Segundo a Gi Group, a expectativa da escuderia Toro Rosso é repetir o sucesso da edição de 2016, em que 20 dos 28 trainees foram contratados pela companhia.

As inscrições para os graduados estão abertas e podem ser feitas até o dia 25 de agosto. Para se cadastrar, basta acessar o link www.gigroup.com/gi-lab.aspx e inserir o currículo.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Gi Group dispõe de 20 chances para trainees atuarem em escuderia

Empresa italiana Toro Rosso quer engenheiros recém-formados

Da Redação

24/07/2017 | 07:27


A Gi Group, multinacional italiana de RH que possui filial em São Bernardo, está capitaneando processo de contratação de trainees interessados em trabalhar em uma equipe técnica de Fórmula 1, a escuderia Toro Rosso.

Ao todo, existem 20 vagas para serem preenchidas por jovens do mundo todo. A Gi Group e a Toro Rosso estão selecionando estudantes e graduados em engenharia para participar do projeto Gi Lab – Formula Future, um programa de treinamento que visa capacitar novos talentos para trabalhar nas áreas técnica e industrial na fábrica em Faenza, na Itália.

O Gi Lab é destinado aos estudantes e graduados nos cursos de engenharia mecânica, automotiva e aeroespacial. Os cursos proporcionarão especialização técnica nas áreas de produção, eletrônica e eletrotécnica, design mecânico/composto, P&D (Pesquisa e Desenvolvimento), dinâmica de fluidos computacional, desempenho de veículos, gerenciamento de material composto, gestão de projetos, planejamento de produção e compras.

TREINAMENTO - Os participantes receberão treinamento baseado no conceito learning by doing, que combina lições teóricas com as atividades práticas.

O programa tem duração de seis meses, com chance de prorrogação por mais seis meses.

De acordo com a Gi Group, a escuderia Toro Rosso oferece remuneração compatível com a média de mercado. É importante ressaltar, no entanto, que os custos de deslocamento e moradia ficam por conta dos profissionais selecionados.

REQUISITOS - Além do curso superior completo, os candidatos devem ter bom conhecimento de inglês, domínio de informática (especialmente de pacote Office e CAD no caso de atividades na área de design), capacidade de trabalhar em equipe e em ambiente dinâmico, ser pró-ativo, flexível e ter paixão por automobilismo e carros de competição. Experiência na área também é desejável, mas não obrigatória.

PÓS-TRAINEE - Segundo a Gi Group, a expectativa da escuderia Toro Rosso é repetir o sucesso da edição de 2016, em que 20 dos 28 trainees foram contratados pela companhia.

As inscrições para os graduados estão abertas e podem ser feitas até o dia 25 de agosto. Para se cadastrar, basta acessar o link www.gigroup.com/gi-lab.aspx e inserir o currículo.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;