Fechar
Publicidade

Sábado, 7 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Uri Geller processa Nintendo por personagem do Pokemon


Do Diário do Grande ABC

03/11/2000 | 11:17


O paranormal Uri Geller está processando a fabricante japonesa de videogames Nintendo por ter virado um personagem do desenho Pokemon.

O personagem do desenho, Yun Geller, carrega uma colher e usa ondas mentais para causar dores de cabeça em sua vítimas. Uma clara alusao ao paranormal, que ficou famoso por entortar talheres com o poder da mente.

Geller pede uma indenizaçao de milhoes de dólares por danos morais e quer que a Nintendo retire o personagem de seus produtos.

"A Nintendo transformou-me em um personagem mal e dedicado às ciências ocultas", afirmou Geller em um comunicado. "A companhia roubou minha identidade ao usar meu nome e minha capacidade de entortar colheres".

Geller também ficou ofendido pelo fato do monstro Pokémon ser desenhado com raios no peito, o que seria uma alusao a símbolos nazistas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Uri Geller processa Nintendo por personagem do Pokemon

Do Diário do Grande ABC

03/11/2000 | 11:17


O paranormal Uri Geller está processando a fabricante japonesa de videogames Nintendo por ter virado um personagem do desenho Pokemon.

O personagem do desenho, Yun Geller, carrega uma colher e usa ondas mentais para causar dores de cabeça em sua vítimas. Uma clara alusao ao paranormal, que ficou famoso por entortar talheres com o poder da mente.

Geller pede uma indenizaçao de milhoes de dólares por danos morais e quer que a Nintendo retire o personagem de seus produtos.

"A Nintendo transformou-me em um personagem mal e dedicado às ciências ocultas", afirmou Geller em um comunicado. "A companhia roubou minha identidade ao usar meu nome e minha capacidade de entortar colheres".

Geller também ficou ofendido pelo fato do monstro Pokémon ser desenhado com raios no peito, o que seria uma alusao a símbolos nazistas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;