Fechar
Publicidade

Sábado, 15 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

'Começar de Novo' tenta segurar audiência das 19h


Nelson Albuquerque
Do Diário do Grande ABC

29/08/2004 | 15:31


Movido a petróleo, estréia nesta segunda-feira o novo folhetim das sete da Globo, Começar de Novo. A novela tem direito a cenas submarinas próximas a uma plataforma da Petrobras, primeira fase filmada em um país produtor do chamado ouro negro e até a um posto de gasolina cenográfico para servir de merchandising. A trama é assinada por Antonio Calmon e Elizabeth Jhin e traz um forte elenco, com Luiz Gustavo, Marília Pêra, Antonio Abujamra, Paloma Duarte, Antonio Calloni e Giselle Itié, entre outros.

A história se passa em uma cidade fictícia, batizada de Ouro Negro, uma referência ao valioso combustível. Ali acontece um romance adolescente entre Miguel Arcanjo e Letícia (que no "futuro" serão interpretados por Marcos Paulo e Natália do Vale). O pai dele é um empresário russo (Emiliano Queirós) que se torna um rico fazendeiro e provoca a ira de muitas famílias locais, especialmente a de Dona Lucrécia (Eva Wilva), a mãe de Letícia.

A paixão de Miguel e Letícia é interrompida bruscamente por um misterioso atentado contra a vida do rapaz. Todos na cidade acreditam que ele morreu, mas na verdade foi levado para a Rússia por um amigo. Baleado na cabeça, o rapaz perde a memória e o amigo lhe dá uma nova identidade. Agora, sem nenhuma lembrança do Brasil, Miguel passa a ser Andrei Ivanovich.

A Rússia foi escolhida depois de descartados países do Oriente Médio (devido ao clima de guerra), México (porque já está reservado para ser locação da próxima novela de Glória Perez) e Venezuela (por causa do tenso clima político). "Tinha de ser um país produtor de petróleo", afirma Calmon. Marcos Paulo, que também assina a direção de núcleo da novela, completa: "Além disso, precisava ser um lugar charmoso, lúdico, romântico e que tivesse alguma mística".

O autor explica que escolheu o petróleo como tema para homenagear um verdadeiro herói brasileiro, "o trabalhador das plataformas marinhas". "A intenção é meramente dramatúrgica, a Globo deu sinal verde, e só depois é que veio o merchandising da Petrobras", afirma Calmon. Um posto de gasolina com a bandeira da empresa estatal foi construído dentro do Projac, a cidade cenográfica da emissora, no Rio, especialmente para servir de cenário para a novela. Dois mergulhadores, papéis de Vladimir Brichta e Cássia Linhares, atuam próximo a uma plataforma de petróleo. As cenas gravadas na Bacia de Campos, no Rio, servirão para mostrar o dia-a-dia dos tais heróis.

Os conflitos começam a ocorrer quando Ivanovich precisa voltar ao Brasil e começa a recuperar lembranças do passado. Encontra-se com Letícia, que já está casada e tem dois filhos, e pelo menos por enquanto não imagina que é ela o grande amor de sua adolescência.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Começar de Novo' tenta segurar audiência das 19h

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, acesse com:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;