Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

'Cracker' procurado é preso na Espanha


Da AFP

22/06/2005 | 12:19


"P. Power", um dos 'crackers' mais conhecidos na Internet, foi preso na Espanha depois de nove meses de investigação.

Os crackers são pessoas que quebram os códigos de proteção dos programas para distribuí-los gratuitamente na Internet. Distinguem-se dos "hackers", que fazem incursões por programas protegidos, como os da Nasa, dos bancos ou da polícia federal dos Estados Unidos (FBI).

Graças a uma conexão com a Internet por modem, um computador obsoleto e um sistema operacional como o Windows 98, este pirata da informação conseguiu quebrar os códigos de segurança de programas de inteligência usados por profissionais, segundo um comunicado do Ministério do Interior espanhol.

As autoridades não revelaram a identidade real de P. Power, seu apelido virtual, informando apenas que se trata de um engenheiro de 26 anos. "Depois de desmontar cada programa, ele analisava seus pontos mais frágeis, quebrava suas medidas de proteção e publicava mensagens na rede afirmando ser o único criador", afirma o comunicado.

"É impossível avaliar a dimensão do prejuízo causado às empresas proprietárias dos programas pirateados, e o número de internautas que podem baixá-los gratuitamente".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Cracker' procurado é preso na Espanha

Da AFP

22/06/2005 | 12:19


"P. Power", um dos 'crackers' mais conhecidos na Internet, foi preso na Espanha depois de nove meses de investigação.

Os crackers são pessoas que quebram os códigos de proteção dos programas para distribuí-los gratuitamente na Internet. Distinguem-se dos "hackers", que fazem incursões por programas protegidos, como os da Nasa, dos bancos ou da polícia federal dos Estados Unidos (FBI).

Graças a uma conexão com a Internet por modem, um computador obsoleto e um sistema operacional como o Windows 98, este pirata da informação conseguiu quebrar os códigos de segurança de programas de inteligência usados por profissionais, segundo um comunicado do Ministério do Interior espanhol.

As autoridades não revelaram a identidade real de P. Power, seu apelido virtual, informando apenas que se trata de um engenheiro de 26 anos. "Depois de desmontar cada programa, ele analisava seus pontos mais frágeis, quebrava suas medidas de proteção e publicava mensagens na rede afirmando ser o único criador", afirma o comunicado.

"É impossível avaliar a dimensão do prejuízo causado às empresas proprietárias dos programas pirateados, e o número de internautas que podem baixá-los gratuitamente".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;