Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Taturanas invadem casas em Sto.André


Andrea Catao Maziero
Da Redaçao

24/01/1999 | 17:49


Centenas de taturanas estao invadindo as casas de moradores da avenida Dom Bosco, no Parque das Naçoes, em Santo André, desde a última semana. Eles estao apavorados com as queimaduras que podem ser provocadas pelos bichos, principalmente em crianças.

De acordo com os moradores, um terreno baldio que fica ao lado do número 110 da via é o ninho dos bichos. Ele seria de propriedade particular.

A engenheira Paula Pizarro informou que as taturanas começaram a aparecer na casa dos moradores depois do aumento da temperatura registrados nas duas últimas semanas. "Já matei diversas taturanas que estavam dentro de casa. Na quarta-feira uma delas estava no véu que cobre o berço da minha filha, de 6 meses de idade. Sem contar que eu as encontrei no sofá da sala, na mesa da cozinha e no quintal. Esse bicho está por toda parte."

Paula disse ainda que havia ligado para diversos locais para que alguma providência fosse tomada. No Depav (Departamento de Parques e Areas Verdes) de Santo André, obteve a informaçao que o problema era "particular", já que o terreno tem um proprietário, e ele deveria fazer a manutençao do espaço.

Na quinta-feira passada, o desempregado Geraldo Andrade identificou o local onde estavam concentradas as taturanas. "Sao mais de mil taturanas que estao no tronco de uma árvore no fundo do terreno." Ele disse que nao dormiria em casa, porque toda a família estava apavorada. "O que mais temos medo é de um bicho desses cair na gente. Há cerca de dois anos, a rua já o enfrentou o mesmo problema."

A dona de casa Celiane Menezes disse que chega a matar cerca de 20 taturanas por dia. Ela disse que no terreno baldio várias crianças passam o dia brincando. "Muitas crianças ficam brincando no terreno, soltando pipa e nao tomam cuidado."

Apavorados, os moradores procuraram a Defesa Civil do município, segundo informou a moradora Paula. Na tarde de sexta-feira, de acordo com ela, o local foi pulverizado, depois que entraram em contato com a Defesa Civil de Santo André.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Santo André informou que o Depav realizaria uma vistoria no local nesta semana e que tomaria as providências necessárias. A assessoria informou ainda que a visita ao terreno nao seria prioritária, mas que seria encaixada um horário dentro da programaçao do Departamento que atende a todo o município.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Taturanas invadem casas em Sto.André

Andrea Catao Maziero
Da Redaçao

24/01/1999 | 17:49


Centenas de taturanas estao invadindo as casas de moradores da avenida Dom Bosco, no Parque das Naçoes, em Santo André, desde a última semana. Eles estao apavorados com as queimaduras que podem ser provocadas pelos bichos, principalmente em crianças.

De acordo com os moradores, um terreno baldio que fica ao lado do número 110 da via é o ninho dos bichos. Ele seria de propriedade particular.

A engenheira Paula Pizarro informou que as taturanas começaram a aparecer na casa dos moradores depois do aumento da temperatura registrados nas duas últimas semanas. "Já matei diversas taturanas que estavam dentro de casa. Na quarta-feira uma delas estava no véu que cobre o berço da minha filha, de 6 meses de idade. Sem contar que eu as encontrei no sofá da sala, na mesa da cozinha e no quintal. Esse bicho está por toda parte."

Paula disse ainda que havia ligado para diversos locais para que alguma providência fosse tomada. No Depav (Departamento de Parques e Areas Verdes) de Santo André, obteve a informaçao que o problema era "particular", já que o terreno tem um proprietário, e ele deveria fazer a manutençao do espaço.

Na quinta-feira passada, o desempregado Geraldo Andrade identificou o local onde estavam concentradas as taturanas. "Sao mais de mil taturanas que estao no tronco de uma árvore no fundo do terreno." Ele disse que nao dormiria em casa, porque toda a família estava apavorada. "O que mais temos medo é de um bicho desses cair na gente. Há cerca de dois anos, a rua já o enfrentou o mesmo problema."

A dona de casa Celiane Menezes disse que chega a matar cerca de 20 taturanas por dia. Ela disse que no terreno baldio várias crianças passam o dia brincando. "Muitas crianças ficam brincando no terreno, soltando pipa e nao tomam cuidado."

Apavorados, os moradores procuraram a Defesa Civil do município, segundo informou a moradora Paula. Na tarde de sexta-feira, de acordo com ela, o local foi pulverizado, depois que entraram em contato com a Defesa Civil de Santo André.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Santo André informou que o Depav realizaria uma vistoria no local nesta semana e que tomaria as providências necessárias. A assessoria informou ainda que a visita ao terreno nao seria prioritária, mas que seria encaixada um horário dentro da programaçao do Departamento que atende a todo o município.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;