Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Igreja Católica de Los Angeles admite vista grossa a padres pedófilos


Da AFP

13/10/2005 | 10:00


O arcebispado católico de Los Angeles (Califórnia) reconheceu nesta quarta-feira que fez vista grossa no passado aos padres suspeitos de pedofilia, de acordo com documentos publicados em seu site.

As 155 páginas disponibilizadas on-line, mas com várias tarjas pretas para proteger alguns nomes, mostram que a hierarquia do arcebispado fechou os olhos para as acusações das quais alguns de seus padres eram alvo nos anos 80, transferindo-os, por exemplo, para uma nova paróquia.

Os documentos são apenas uma parte do que a Igreja poderá conceder no âmbito de um acordo financeiro para pôr fim às cerca de 560 ações de supostas vítimas, um recorde na história recente dos escândalos de pedofilia envolvendo a Igreja católica americana. Ao todo, 245 padres californianos estão envolvidos.

O advogado do arcebispado, Michael Hennigan, afirmou que a Igreja se esforça há meses para tornar estas informações públicas, e que a hierarquia religiosa faz questão da "maior transparência possível".

Já o procurador do condado de Los Angeles, Steve Cooley, reagiu com desconfiança à publicação dos documentos, afirmando que se trata "de um pouco mais do que uma operação de relações públicas". Cooley quer levar os padres a julgamento, mas diz se chocar com o silêncio da Igreja.

Na quarta-feira, uma associação de vítimas de abusos sexuais de padres protestou do lado de fora da Catedral de Los Angeles, afirmando que os documentos divulgados foram "suavizados" e "desinfectados". Os manifestantes também acusaram a instituição de proteger 26 padres.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;