Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Rumsfeld diz que morte de Saddam não tem mais importância


Do Diário OnLine

28/04/2003 | 10:58


O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Donald Rumsfeld, voltou a comparar a boa campanha militar contra o Iraque à queda do Muro de Berlim e à libertação de Paris, durante a Segunda Guerra Mundial. Nesta segunda-feira, ele visitou comandantes militares americanos e tropas no Comando Central dos EUA, no Catar.

Ao relatar a derrubada de uma estátua de Saddam Hussein em uma praça iraquiana, Rumsfeld disse que a cena “com certeza vai entrar para História como (a queda) do Muro de Berlim e a libertação de Paris”. O secretário evitou utilizar em seu discurso a palavra vitória, já que o anúncio oficial do fim da guerra ainda não aconteceu.

Donald Rumsfeld também afirmou que os Estados Unidos não têm intenção de manter bases militares a longo prazo no Iraque e que as tropas americanas só permanecerão "durante um curto período".

"Não há planos para bases a longo prazo no Iraque", declarou o chefe do Pentágono em uma entrevista à televisão Al-Jazeera, do Qatar. "Mas permaneceremos tanto tempo quanto for necessário, nem um dia mais", acrescentou durante uma visita à sede do Comando Central americano (Centcom) no acampamento As-Saliya, perto de Doha.

Na semana passada, Rumsfeld qualificou de "pura especulação" as informações do jornal The New York Times sobre a intenção dos Estados Unidos de ter acesso por longo prazo a quatro bases aéreas iraquianas. "Nem chegamos a pensar nisso", acrescentou.

Admitindo que se podia dizer que as forças da coalizão ocupavam o Iraque, Rumsfeld afirmou: "Ocupamos este país por um período muito curto. Não queremos impérios, Não somos imperialistas".

Quanto à sorte de Saddam Hussein, de quem os americanos não têm rastro quase três semanas depois da queda de Bagdá, Rumsfeld afirmou que já não tem a menor importância.

Após visitar Abu Dhabi e Catar, Donald Rumsfeld irá à capital iraquiana, em uma data que está sendo mantida em segredo por questões de segurança.

Com agências



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;