Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeiras desmonta retranca do Linense


Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

24/03/2011 | 00:19


A fácil vitória sobre o fraco Linense (3 a 0, nesta quarta-feira à noite, na Arena Barueri) manteve o Palmeiras mais firme do que nunca na briga pela liderança do Paulistão - o time tem 32 pontos, contra 12 do adversário. Patrik (dois gols) e Kleber (de pênalti) marcaram os gols.

A resistência do Linense atingiu os limites possíveis. O time do Interior procurava encarar na base dos contragolpes. Mas, invariavelmente recuado, viu o rival ditar o ritmo desde o começo.

Aos poucos, o esquema de Luiz Felipe Scolari conseguiria furar o forte bloqueio montado pelo técnico Pintado, ex-Santo André. Os donos da casa persistiam nas rápidas trocas de passes, principalmente do meio à frente. O criativo Lincoln - substituto de Valdivia - ajudou a embalar o ágil toque de bola.

Aos 38 minutos, enfim, o Palmeiras iria desmontar a retranca do adversário no chute certeiro de Patrik, da intermediária, indefensável, no canto esquerdo - 1 a 0 no placar que já refletia, ainda que tardiamente, o melhor futebol do Alviverde.

Era o que faltava para que os visitantes abrissem os espaços. Tanto é que, aos 43, o velocista Adriano disparou no meio da zaga do Linense. Derrubado na área, ele viu Kleber converter o pênalti bem cobrado - 2 a 0.

Na segunda fase, o Palmeiras voltaria disposto a selar o resultado na frente de quem parecia irremediavelmente fragilizado. Não demorou para que Patrik ampliasse, aos 16, ao driblar André Turado e arrematar no contrapé do goleiro.

O mapa de Scolari não se alterava nas opções ofensivas, especialmente pelo setor de Cicinho, uma espécie de atacante que avançava o tempo todo para explorar os atalhos da direita.

No entanto, o que mais desequilibrava eram as constantes inversões entre Lincoln, Patrik e Adriano Michel Jackson para municiar o combativo Kleber - este seguia o de sempre nas deslocações para puxar a marcação. O passeio estava definitivamente consumado.

No fim, Lincoln atirou a camisa aos torcedores e saiu muito aplaudido.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;