Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Premiê do Japão descreve intervenção cambial como opção de emergência



02/02/2017 | 04:47


O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse nesta quinta-feira que continua aberto à possibilidade de intervir diretamente no mercado de câmbio, mantendo um ar de desafio apesar de recentes críticas do presidente dos EUA, Donald Trump, à política cambial de Tóquio.

"Como tenho dito, a administração Abe nunca fez uma intervenção no mercado de câmbio. Ao mesmo tempo, isso é algo que eu não descartaria", declarou Abe no Parlamento japonês. "Considero que essa seja uma opção para casos de emergência."

Abe fez o comentário em resposta a perguntas sobre a necessidade de se incluir um acordo cambial em um pacto comercial bilateral, proposta a qual o primeiro-ministro se opõe.

Sobre a reunião prevista com Trump, no próximo dia 10, Abe disse que vai manter a questão cambial fora da agenda. O assunto, defendeu o premiê, deve ser tratado por autoridades de finanças.

Abe também afirmou que está "prestando bastante atenção" à política cambial do governo Trump, embora seus detalhes ainda não estejam claros. Fonte: Dow Jones Newswires. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;