Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pressões ainda incomodam Marco Aurélio no Palmeiras


Nilton Valentim
Do Diário do Grande ABC
Com Agências

06/02/2001 | 00:41


Se conseguiu se livrar das pressões da torcida com as duas vitórias seguidas – Flamengo pelo Torneio Rio/São Paulo e Matonense pelo Paulista – Marco Aurélio começa a enfrentar resistência de seus jogadores. Isso devido às mudanças táticas implantadas pelo técnico.

O zagueiro Argel e os volantes Magrão e Flávio, por exemplo, adiantaram-se à escalação e declararam que se consideram titulares. Marco Aurélio, por sua vez, não revelou se pretende repetir o que fez na semana passada, quando utilizou o Rio/São Paulo para preparar o time para o Campeonato Paulista, e não escalou o zagueiro Galeano e os volantes Claudecir e Magrão, ou se irá mudar seus planos.

Na segunda hipótese, corre o risco de criar uma divergência com Argel. “Na semana passada, os jogadores foram expulsos, o meu caso é apenas de cartão amarelo”, ressaltou o zagueiro.

Argel referia-se à tática do treinador de deixar de fora da partida contra o Flamengo os volantes Magrão e Claudecir, além do zagueiro Galeano, que estavam suspensos do jogo seguinte, sábado, contra a Matonense. Marco Aurélio preferiu manter uma só equipe para as duas partidas.

Desta vez, Argel recebeu o segundo cartão amarelo no sábado e está fora do jogo contra o Corinthians, no domingo, pelo Paulista. Nem por isso ele disse concordar em ficar de fora quarta-feira, contra o Botafogo, no Palestra Itália, pelo Rio/São Paulo. “Estou pronto para jogar, é uma decisão que pode nos colocar nas semifinais da competição”, observou.

A prazo – Alex ficou irritado com a declaração do vice-presidente do Flamengo, Walter Oaquim, que disse que o clube carioca irá pagar o que deve ao meia em suaves prestações, “devagar como ele foi no Flamengo”. O jogador chamou o dirigente de “mau-caráter”.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;