Fechar
Publicidade

Sábado, 27 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

CBF envia equipamento à Colômbia para ajudar na recuperação de Neto



09/12/2016 | 00:02


A CBF vai enviar à Colômbia um especialista e um equipamento moderno para ajudar na recuperação do zagueiro Neto, da Chapecoense. O defensor é quem apresenta o quadro mais grave entre os quatro brasileiros sobreviventes do desastre aéreo da última semana. Por ser o único a ainda continuar sedado, deve receber a partir já desta sexta-feira uma assistência especial no hospital San Vicente, em Rionegro, onde está internado.

O presidente da Comissão de Controle de Doping da CBF, Fernando Solera, e o presidente da comissão de médicos da entidade, Jorge Pagura, estiveram na Colômbia na última semana para acompanhar o trabalho de recuperação dos sobreviventes e ajudaram a organizar as transferências de todos para o mesmo hospital. O próximo passo será a chegada ao país vizinho de equipamento moderno para ajudar na recuperação da lesão torácica do jogador.

O tomógrafo de impedância térmica é um aparelho utilizado para avaliação funcional e tratamento de problemas pulmonares. Nesta sexta-feira, o aparelho deve chegar ao hospital. Além disso, estará na Colômbia o especialista em choque pulmonar Gustavo Janot, do hospital Albert Einstein. Neto tem respondido aos tratamento e segundo os médicos do hospital, a expectativa nos próximos dias é de reduzir a sedação do zagueiro.

O defensor foi o último a ser retirado do local do acidente e, por isso, ficou exposto a temperatura baixas. A equipe médica do hospital colombiano identificou nos últimos dias a bactéria que infectou os pulmões do jogador, que já tem sido combatida. Dos quatro sobreviventes, o zagueiro é o único que se manteve sedado durante todo o período. Os outros três que estão em melhores condições são o lateral Alan Ruschel, o goleiro Follmann e o jornalista Rafael Henzel.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;